Paixão ao Entardecer

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Love in the Afternoon
Lisa Kleypas
Editora Arqueiro

Tradução:Ana Rodrigues
ISBN:9788580413557
Ano:2015
Páginas:272

Sinopse
Mesmo sendo uma família nada tradicional, quase todos os irmãos Hathaways se casaram, até mesmo Leo, que era o mais avesso a essa ideia. Mas para a caçula Beatrix, parece não haver mais esperança.
Dona de um espírito livre, apaixonada por animais e pela natureza, Beatrix se sente muito mais à vontade ao ar livre do que em salões de baile. E, embora já tenha frequentado as temporadas londrinas e até feito algum sucesso entre os rapazes, nunca foi seriamente cortejada, tampouco se encantou por nenhum deles.
Mas tudo isso pode mudar quando ela se oferece para ajudar uma amiga.
A superficial Prudence recebe uma carta de seu pretendente, o capitão Christopher Phelan, que está na frente de batalha. Mas parece que a guerra teve um forte efeito sobre ele, e seu espírito, antes muito vivaz, se tornou bastante denso e sombrio.
Prudence não tem a menor intenção de responder, mas Beatrix acha que ele merece uma palavra de apoio – mesmo depois de tê-la chamado de estranha e dito que a jovem é mais adequada aos estábulos do que aos salões. Então começa a escrever para ele e assina com o nome da amiga. Beatrix só não imaginava o poder que as palavras trocadas teriam sobre eles.
De volta como um aclamado herói de guerra, Phelan está determinado a se casar com a mulher que ama. Mas antes disso vai ter que descobrir quem ela é.


Resenha Por Ver Sobreira

 "Tudo começou com uma carta.
Para ser mais exato,com a menção a um cão."

 E ai acabou, acabou uma das melhores séries histórica que li nos últimos tempo, misto de alegria e tristeza. Alegria porque apesar de ter amado Tentação ao por do sol, - é o meu preferido - terei que dividir esta preferência com Paixão ao Entardecer. É claro que a caçula dos Hathaways não poderia ficar para trás e sua história de amor e do capitão Phelan tinha que ser algo eletrizante, cheia de paixão e sensualidade. Tristeza porque acabou, e Lisa Kleypas tornou-se a minha preferida no gênero, e aguardo que tenhamos mais, muito mais.

Beatrix Louise Hathaway,  é a mais estranha dos Hathaway, como já são "estranhos", ela excedeu a isso. Está conformada que não haverá um casamento em seu caminho, pois homem algum gosta de mulheres inteligentes, falantes e colecionadoras dos mais possíveis animais exóticos - a não se os de sua própria família, mas isso nem pode contar. Bea é amada e adorada por seus irmãos e cunhados que tentam protegê-la.  Tem como melhor amiga Prudence Mercer, que na verdade é uma fútil que só pensa em casamentos vantajosos. É justamente através de  Prudence que Beatrix, toma conhecimento do capitão Christopher Phelan, em outra ocasião ela não teve boas impressões dele que fez comentários grosseiros sobre sua pessoa, porém comovida com sua atual situação ,  - que está na guerra de Criméia, passando por maus momentos, Bea acaba se sensibilizando e passa a escrevendo-lhe cartas em nome de Prudence.

(...) Na privacidade de seu quarto em Ramsay House, Beatrix sentou-se diante da escrivaninha e mergulhou a pena na tinta azul escura.(...)
 A partir deste dia ela se comunica com  Christopher e tudo parece diferente para Beatrix. À medida que o tempo passa ela percebe que nada de bom advir se continuar a fingir ser Prudence, pois percebe que está se apaixonado por Christopher.  A decisão de abandonar as cartas é dolorosa, mas necessária. O fato de está a cada dia mais envolvida com o capitão a assusta e ela sabe que em algum momento ele terá que saber da verdade.

A narrativa de Lisa Kleypas é daquelas que você começa e só largar quando chega a última frase do livro. Seus personagens são doces, independentes e apaixonantes. Beatrix e Christopher entraram como Harry e Poppy na minha galeria de casais preferidos. Beatrix é determinada, encantadora e forte, ama  Christopher e luta por ele; Christopher por ser um homem atormentado por seus atos de guerra, apaixona-se loucamente por ela, teme machucá-la, tanto física quanto emocionalmente, eles precisam ser fortes para que este amor supere as dificuldades impostas.

Só o que tenho a dizer. RECOMENDADÍSSIMO.  Abaixo deixou quotes lindos deste livros.

(...) Ele levou a mão livre ao pescoço dela. Por uma fração de segundo, Beatrtix achou que Christopher iria estrangulá-la. Em vez disso, ela a acariciou, movendo o polegar sutilmente até a base do pescoço. A intensidade da própria reação surpreendeu Beatrix. (...)

(...)Ele se sentia fraco e brutal ao mesmo tempo, e o desejo latejava  por todo seu corpo. Nada mais importante a não ser penetrá-la...precisava possuí-la, ou morreria. Christopher não compreendia por que ela o levara deliberadamente ao extremo desejo, e por que não estava assustada.(...)
(...) Em questão de segundos, o unguento cumprira sua função, as especiarias refrescantes aliviando a pele quente, mas também despertando sensações mais  íntimas. Beatrix se agitava em cima dele. Christopher a agarrou pelos quadris, abaixo o corpo dela e arremeteu mais fundo. (...)

9 comentários :

  1. Acabei de escrever isso em outra resenha,o Harry e a Poppy são mágicos e compartilho seu misto de sentimentos em relação a esse livro,fique imensamente feliz com a narrativa emocionante de Christopher e Beatrix,eles são diferentes,e se encaixam com perfeição,e a autora soube mesmo desenvolver o relacionamento dos dois, é triste quando uma série tão maravilhosa se encerra,mas Lisa soube fazer isso com maestria.

    Linda resenha....

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir
  2. Eu sou apaixonada por essa série e pela escrita da Lisa também Vê. E adorei a Poppy e o Harry tbm então creio que vou curtir o da Bea, principalmente pela personalidade dela. Mas confesso que quando li na resenha que Christopher tem os mesmos medos que tinha o Merripen com a Win, me deixou um pouco preocupada pq adoro o Merripen, mas ele me irritou extremamente no livro deles por conta de seu extremo zelo com a Win. O Christopher segue essa risca tbm?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thai obrigada pro aparecer. Não o Christopher é bem diferente do Merripen e apesar de amar esta série, foi o livro da Win e dele foi o que menos gostei. O Christopher volta endurecido da guerra, perdeu um pouco da vivacidade, ai ele é um cara meio cínico que à principio atura muito pouco as maneiras de Beatrix, mas que aos poucos é envolvido por ela. O senso de proteção dele para com ela tem haver mais com protege-la dele mesmo. Com relação a liberdade dela ele tenta ao máximo não cerceá-la

      Excluir
  3. Nunca me canso de dizer que a Arqueiro super acertou com o lançamento de livros históricos, esta série e a da Julia são um prato cheio pra quem gosta desse gênero. Eu simplesmente amo. Ainda não li todos os livros da Lisa dessa série e os físicos mesmo, só tenho tentação ao pôr do sol. Tenho que remediar isso logo.
    Se a Beatrix é a mais estranha dos Hathaway fico pensando como ela deve enfrentar situações meio embaraçosas e super divertidas (pra nós leitores pelo menos...kkk).

    Vento Literário

    ResponderExcluir
  4. Apenas louca para ler esse livro. Essa série está na minha lista faz tempo, mas são tantos livros para ler que alguns acabam ficando para depois. Amei a resenha, me deixou ainda mais curiosa e certa de que vou amar a leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Estou morrendo de vontade de ler este livro e toda a série. Pois a historia de Beatrix, me encanta, sem falar na capa que é perfect. Olha que vestido mais lindo, Lisa é uma grande escritora.

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Tenho visto alguns blogs resenha sobre esse livro. Pelo que li é um romance de época, nunca li nenhum romance de época, mas confesso que tenho certo receio, não sei porque...
    Enfim... muito boa sua resenha Vê, mas não sei se eu leria esse livro :(

    Um abração

    ResponderExcluir
  7. Oiee.
    Eu sou apaixonada pela capa desse livro, na verdade, pela capa de toda a série, ainda não comecei minha leitura da mesma, mas pretendo com certeza.
    Vi muita gente falando que esses livros são incríveis, e o fato de serem de época me deixa mais animada, pois é meu gênero preferido.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  8. Quando a autora consegue finalizar uma série e de forma tão boa é sinal de que sabe o que está fazendo, confesso que tenho pouco contato com livros de romance histórico, mas acho a premissa muito interessante, deve ser realmente fantástico poder acompanhar a troca de cartas entre Beatrix e Christopher, mesmo que ela se passa por Prudence e depois pense nas consequências, ver um amor nascendo de uma forma de comunicação, sendo expresso por palavras e os desdobramentos que acontecem com os personagens quando eles se encontram e a verdade descoberta me fazem querer muito me aventurar na família Hathaway.

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique