Literatura Indie e a Amazon - Coluna Tá na Amazon

sábado, 9 de agosto de 2014

Maiteí, índios
Todos conhecem a Amazon, certo? Pois bem, pensando em uma nova coluna no blog decidi buscar novos talentos da literatura que só estão publicando em e-book na Amazon. Mas para pensarmos e falarmos sobre isso precisamos entender porque estes autores publicam nesta modalidade. Para  tanto faz necessário saber o que é literatura indie, pois é ela que impulsiona a maioria das vendas na Amazon. Então o que vamos fazer? Vamos ler os que são publicados lá e comentaremos e  falaremos deles aqui, pois há livros que já estão há semanas no top de venda do site. Não é legal isso? O nome da Coluna será "Tá na Amazon". O primeiro livro que vamos comentar é  Aluga-se um Noivo  de Clara Assis.


O que é literatura indie?

"O conceito "indie" aplica-se a toda expressão artística realizada de forma independente e fora das bases estabelecidas pelo mercantilismo, e com respeito à literatura refere-se a livros publicados fora do mainstream ou fora da indústria editorial, e também, de alguma forma, este conceito vem ao borde da  decepção do homem antes a Pós-Modernidade.

Na Argentina, Chile e México, principalmente, alguns autores publicam seus trabalhos em pessoa, graças às facilidades oferecidas pelas novas tecnologias de impressão. É claro que a adversidade econômica dos países onde essas publicações são emergentes, aguça a criatividade dos escritores para incentivar esse caminho e ganhar o jogo. De início, escritores de outros lugares, como os espanhóis, que estavam acostumados a estabilidade de um sistema social burguesa.

Estes novos escritores freelance assumiram o risco envolvido na aventura de auto-publicação, vender seus livros através das ruas, praças, cafés e bares em sua cidade, e desprezam tipo editorial "Bubok.com" ou "Lulu.com" que nada mais são do que um diretório onde os autores e seus trabalhos são perdidos no anonimato. Escritor freelance, pelo menos, tem um livro em suas mãos: é algo real, um produto cem por cento genuíno: escrita, desenhada, publicado e vendido pelo autor. Há,nesse livro a marca do artista, não é um produto genérico, é o sonho de qualquer pessoa que apostou sua inteligência e energia para começar o projeto de vida, a permanência da palavra."¹

Aqui no Brasil muitos autores adotam este conceito para também  fugir das artimanhas do mercado editorial. Porque observem, publicar um livro é algo que demanda custo e não hora de vender quem fica com a menor parte é o autor. Hoje aqueles que não conseguem publicar um livro físico  e promovê-lo tem a opção do e-book e a Amazon surgiu como mais uma ferramenta para este fim. Lá, os autores vendem seus e-books a preços acessíveis e desenvolvem um trabalho no intuito de serem reconhecidos. O mais legal é que, há autores que preferem continuar com este tipo de publicação do que ser publicado em uma editora, mas também é certo que o destino final é sempre angariar mais leitores a cada dia. 

¹http://www.escribirte.com.ar/informes/49/que-es-la-literatura-indie.htm

10 comentários :

  1. Adorei a coluna. Não sabia o nome que se dava para isso, mas realmente a publicação por conta na Amazon tem se tornado bem comum.
    Acho ótimo que os autores tenham esse espaço para vender seus livros sem ter que se "adaptar" ao mercado.
    Não sei a longo prazo o resultado disso, mas torço para que dê muito certo.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post de hoje , essa é uma área da literatura que eu não conhecia ainda .
    Espero que dê certo !!!

    ResponderExcluir
  3. Acho uma forma bem democrática de divulgar o trabalho de quem ainda não pode publicar por outros meios.... Adorei o post Ver,li poucos livros comprados na Amazon,mas acho que a tendência é esse tipo de consumidor crescer muito.

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir
  4. Tenho alguns livros da Amazon.Os leio no meu tablet.E realmente os preços são bons.
    Parece ser muito dificil o começo de um autor. E essa é uma ótima oportunidade para divulgar seus trabalhos.
    Gostei da postagem!

    ResponderExcluir
  5. Oieee
    Adorei essa nova coluna,eu sempre prefiro os livros físicos mas nunca deixo de dar uma olhada e lida nos e-books maravilhosos que rolam por ai.São tantos que até é difícil ficar por dentro de tudo e ler vários,mas sempre faço um esforcinho.
    Essa é uma ótima maneira de nós apresentar a muito bons escritores e histórias.

    ResponderExcluir
  6. Apesar de não gostar de e-books, acho bacana a iniciativa da Amazon de dar oportunidade a quem não não consegue publicar seu livro, a quem não tem o apoio de uma editora.

    ResponderExcluir
  7. Eu não gosto tanto de ler e-book, prefiro muito mais o livro físico. Mas eu até costumo ler bastante por ser bem mais baratos, principalmente os livros em inglês que ainda não foram lançados aqui.
    Adorei o post e já adorei a coluna Tá na Amazon *u*
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oiee.
    Não gosto muit de ler e-book, sempre prefiro o livro físico, mas as vezes a grana é curta né, e temos que dá um jeito, então corro para os e-books, mas evito o quanto posso.
    Acho legal ter a Amazon pra dar uma força pra esses escritores que não são tão conhecidos assim tentar viver um pouco com a literatura.
    Muito boa sua explicação.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  9. Sabia que a Amazon fazia isso... Acho legal pq ajuda a vários leitores brasileiros! Parabéns pelo site por isso. Promover nossos autores que são muto bons! Bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi, eu acho os e-books uma grande vantagem, apesar de que eu não leio nesse formato, prefiro os livros físicos, mas publicar um livro realmente é um grande custo que nem todos os autores possuem.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique