O Hipnotista

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Maiteí, índios
Começamos esta semana depois do feriado aqui no (RJ) e apresentando uma nova colaboradora  Beatriz Galvão e  sua primeira impressão de leitura é de um livro forte O Hipnotista. Confira.


The Hipnotist
Lars Kepler
ISBN: 9788580570915
Tradução:Alexandre Martins
Ano: 2011
Páginas: 477

Sinopse
O massacre de uma família nos arredores de Estocolmo abala a polícia sueca. Os homicídios chamam a atenção do detetive Joona Linna, que exige investigar os assassinatos. O criminoso ainda está foragido, e há somente uma testemunha: o filho de 15 anos, que sobreviveu ao ataque. Quem cometeu os crimes o queria morto: ele recebeu mais de cem facadas e está em estado de choque. Desesperado por informações, Linna só vê uma saída: hipnose. Ele convence o Dr. Erik Maria Bark – especialista em pacientes psicologicamente traumatizados – a hipnotizar o garoto, na esperança de descobrir o assassino através das memórias da vítima. É o tipo de trabalho que Bark jurara nunca mais fazer: eticamente questionável e psicologicamente danoso. Quando ele quebra a promessa e hipnotiza o garoto, uma longa e aterrorizante sequência de acontecimentos tem início.


Impressão de Leitura por Beatriz Galvão

O Hipnotista é escrito por um casal sueco, Alexandra e Alexander Ahndoril que usam o pseudônimo de Lars Kepler. No  início da história, é possível que exista uma leve confusão pela quantidade de personagens, mas no decorrer da trama os mesmos vão ganhando seu espaço e fica fácil identificar. Destaco aqui negativamente o personagem Joona que deveria ter peso na trama, mas deixa a desejar. 

Ocorrem duas histórias paralelas na narrativa: o massacre de uma família em Estocolmo, onde somente o filho de 15 anos sobrevive  e  a história de Erik Maria Bark, um psiquiatra especializado em casos de pacientes com traumas. Ele é casado e tem  um filho que precisa de cuidados especiais por sofrer de uma doença.No meio do livro ocorre uma pausa, e o mesmo retorna 10 anos na vida de Erik, (jogada de mestre do autor!) e nesse momento as peças começam a se encaixar.O foco do livro é mais voltado ao hipnotista (Erik) o que acaba deixando Joona, o detetive um pouco apagado, mas  não deixa a história ruim. 

A  narrativa forte, tensa  e assustadora me parece uma característica dos autores nórdicos. A mente humana pode ser perturbadora e se perder totalmente. A história caminha para rumos em que não pensamos, pois apesar de Erik fazer seu trabalho, este vai se chocar com a segurança de sua família. Particularmente, achei o livro fantástico, realmente prende o leitor até o fim, vale a pena a leitura. 

Detalhe: Em 2012 o livro foi adaptado para o cinema, há rumores que será adaptado este ano em Hollywood e mais uma vez poderemo ver Daniel Craig fazendo um sueco. Como em "Os homens que não amavam as mulheres".

Capas por ai:















Beatriz Galvão, 18 anos, sagitariana. Amo moda, Iron Maiden, Sherlock Holmes e livros. Admiro  pessoas empáticas.  Não assisto filmes de terror verídicos e amo o cheiro de café pela manhã.


9 comentários :

  1. Ola, nunca me interessei por este livro, mais se pintar nas minhas mãos eu vou tentar ler, o problema é que esse não é bem meu estilo..
    Parabéns pela resenha..

    Beijos, tem resenha nova no Daily ^^
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/2014/01/resenha-as-criancas-trocadas.html


    ResponderExcluir
  2. Eu tenho esse livro ,mas nunca consigo colocar ele no topo da minha lista de leitura, já tinha lido algumas resenhas dele mas a sua me ganhou de vez.

    Bem vinda ao tribo!!!

    Bjssss
    Bianca
    www.apaixonadasporlivros.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, seja bem-vinda ao Tribo!
    Nunca li esse livro, mas parece um bom mistério. Não sei se conseguiria lê-lo, pois sou muito medrosa para essas histórias!

    Gostei da sua resenha (:

    Beijos invernode1996.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Bem vinda ao Tribo!
    E já chegou arrasando com uma ótima resenha!
    Eu confesso que nunca me interessei em ler este livro, não por não achá-lo interessante, mas porque não curto muito o estilo.
    Sua resenha conseguiu me deixar curiosa. Quem sabe um dia destes resolvo conferir?
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Beatriz!
    Não conhecia o livro e sua resenha me fez ficar interessada. Forte, tenso, intenso e com histórias paralelas.
    Vou procurar saber mais a respeito.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Desde que esse livro foi lançado, eu tenho planejado comprá-lo. Porém, sempre aparecem outros que eu quero mais e acabo deixando ele de lado. Essa resenha aguçou a minha curiosidade e já pretendo colocá-lo na minha próxima lista de compras.

    M&N | Desbrava(dores) de livros

    ResponderExcluir
  7. Acho que a história tão interessante. Devo dizer que eu amo filmes e série hipnose. Curiosamente transportando sua história, como é o caso com esta. Eu recomendo-lo amplamente.

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique