Laços Inseparáveis

terça-feira, 12 de março de 2013

Where We Belong
Emily Giffin

Tradução: Maria Angela Amorim de Paschoal
ISBN:9788563219473
Ano: 2012
Páginas:447

Sinopse
A autora de cinco romances de sucesso, Emily Giffin, lança uma história inesquecível de duas mulheres, as famílias que a fazem ser quem são, e a lealdade e o amor que as ligam. Marian Caldwell é uma produtora de televisão de 36 anos, vivendo seu sonho em Nova York. Com uma carreira bem-sucedida e um relacionamento satisfatório, ela convenceu todo mundo, inclusive si mesma, que sua vida está do jeito que ela deseja. Mas uma noite, Marian atende a porta... para apenas encontrar Kirby Rose, uma garota de 18 anos com a chave para o passado que Marian pensou ter deixado para trás para sempre. Desde o momento
ue Kirby aparece na sua porta, o mundo perfeitamente construído de Marian — e sua verdadeira identidade — será chacoalhado até o fim, fazendo ressurgir fantasmas e memórias de um caso de amor apaixonado que ameaça tudo para definir quem ela realmente é.
Para a precoce e determinada Kirby, o encontro vai provocar um processo de descobrimento que a leva ao começo da vida adulta, forçando-a a reavaliar sua família e seu futuro com uma visão sábia e doce. Enquanto as duas mulheres embarcam em uma jornada para encontrar o que está faltando em suas vidas, cada uma irá reconhecer que o lugar no qual pertencemos normalmente é onde menos esperamos — um lugar que talvez forçamos a esquecer, mas que o coração se lembra eternamente.

Resenha por Ver Sobreira

Eu sei o que dizem sobre segredos. Sei tudo o que se diz a respeito. Que eles podem assombrar e perseguir você. Que podem envenenar relacionamentos e dividir famílias. Que, no final, somente a verdade pode libertar.

Decididamente Emily Giffin sabe contar uma história. Este é o segundo livro da autora que leio, e sua escrita me conquistou definitivamente. Em Laços Inseparáveis ela nos presenteia com uma narrativa doce e cativante sobre segredos, mentiras, amor, reencontros e perdão.

Há dezoito anos Marian Cadwell tomou uma decisão para não se sentir como se tivesse desperdiçando sua vida. Tal decisão, fez com que ela tivesse um grande segredo que apenas sua mãe, Pamela sabia. Marian achava que o passado estava no passado e que está situação nunca a confrontaria. Só que ela se esqueceu que o que fez atingiu a vida de outras pessoas. Uma delas é Kirby Rose, que uma noite bate à sua porta para confrontá-la e a outra é Conrad Knight, que ela terá que reencontrar mais cedo ou mais tarde depois de dezoito anos sem se verem. Agora, ela não é mais uma garota assustada e sim uma bem sucedida produtora da TV de um seriado de sucesso e  também namorado o CEO da rede de TV, Peter.

Bem, Emiliy Giffin em minha opinião consegue sustentar uma história emocionante sem precisar de muitos elementos. Colocando amor, confusão, desencontros, perdão, amizade em porções generosas. A história de Marian, Kirby e Conrad é fantástica, sem clichês e bastante atual. Seus personagens são cheios de personalidades, e conseguem dar conta da trama e passar uma emoção para o leitor. Apesar do quê de realidade de seus livros, Giffin conta histórias encantadores, maravilhosas e sensíveis.

A autora escreve fácil. História interessante sobre as relações humanas, as consequências das mentiras contadas e sobre como se perdoar por decisões tomadas. Laços Inseparáveis é sobre o amor, sobre amizade, sobre a vida, reencontro entre mãe e filha. O reencontro vai trazer à tona as incertezas das decisões tomadas a tempos atrás. Marian se questionará  se o que fez era certo ou errado e Kirby tentará ver as coisas da melhor forma possível, já Conrad...
Eu deveria ter imaginado. Deveria ter acreditado com o fundo do meu coração naquelas palavras que deram início a tudo, naquela noite sufocante há tanto tempo: Você pode fugir, mas não pode se esconder.

A narrativa é em primeira pessoa mesclado as perspectivas de Kirby e Marian. As impressões que uma tem sobre a outra, vão se revelando ao longo da leitura. As inseguranças de Marian e as incertezas sobre o futuro que Kirby tem  se descortinando a cada página que viramos. A leitura começa lenta e depois toma uma proporção que é impossível você larga  o livro. Em suma, uma narrativa doce, mas sobretudo forte. Não deixem de ler. Recomendo. Confiram


Índios, esta é a resenha#2  do projeto "Semana de Resenhas Novo Conceito". Confira também nos blogs parceiros:

Alquimia dos Romances, da  amiga e parceira Elimar Souza
Apaixonadas por livros, da  amiga e parceira Bianca Benitez;
Doces Letras, da amiga e parceira Lia Christo;
Aghridoce, da amiga e parceira Eykler Simone;

12 comentários :

  1. Verônica, que resenha é essa? Deixa a gente curiosa e com vontade de ler e não revela nada esclarecedor do livro. Isso é que eu chamo de colocar o doce na nossa boca e tirar. Que isso menina? kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Você faz uma resenha dessas e pensa que nossa vida literária será a mesma depois disso????? Poxa Verônica, tenha dó de nós. Depois de tudo isso que vocês escreveu,só me resta dizer uma coisa: Eu preciso ler esse livro, e ponto. Você fala e ao mesmo tempo não fala do livro. A Elimar falou tudo aí em cima; colocou doce na nossa boca e tirou :(
    bjs
    Eykler

    www.aghridoce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha. Me fez ficar ainda mais ansiosa pelo livro, sem dar spoilers... Perfeita Verônica.
    Esse já está na lista e em breve farei resenha também. Estou adorando esta semana de resenhas Novo Conceito....
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. Ola, estou louca para ler ente livro. Depois que li questões do coração e me apaixonei pela escrita, niguem mais me segura. Adorei a resenha
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Eu também adoro a autora desse livro,ela sabe te envolver na narrativa e te deixar presa e emocionada com que escreve.

    Linda resenha Verônica,ainda não li Laços Inseparáveis,mas vou dar uma chance a ele assim que possível.

    bjsss

    ResponderExcluir
  7. Essa autora é sempre muito bem elogiada nos blogs e eu não sei ainda porque não li os livros dela..
    Adorei a resenha..
    Gosto quando a narrativa é intercalada..

    beijos Mila

    ResponderExcluir
  8. Adoro os livros da autora e certamente tenho muita vontade de ler esse.
    Ela consegue nos prender na trama do início ao fim.
    Mais um desejado!!!!

    ResponderExcluir
  9. Olá, Verônica
    Gostei muito da sua resenha. Ainda não li esse livro da Emily, mas li ame o que é seu e fiquei apaixonada pela escrita da autora. Gostaria de ler esse livro, pois tenho certeza que vou gostar.

    ResponderExcluir
  10. Ooi!
    Ainda não tive a oportunidade de ler nenhum livro de Emily Giffin, mas considerando sua forma de falar, parece valer muito a pena. Sua resenha foi incrível, e sinceramente me deixou com vontade de ler, então talvez eu comece minha aventura pelas obras da autora por esse.
    Entrou pra a lista kkkk' XD

    ResponderExcluir
  11. Essa autora é imbatível,quando se trata de romances.
    Já ouvi comentários bem positivos sobre o livro.Pretendo ler com toda certeza!!

    ResponderExcluir
  12. Não li nada da autora ainda =( Uma pena... pois todos falam muito bem dela.
    Espero conferir algo em breve, e este parece ser ótimo \o/

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique