Memórias de um vendedor de mulheres

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Appunti di un venditore di donne
Giogio Faletti
Editora Intrínseca

Tradução: Marcelo Lino
ISBN: 9788580571714
Ano: 2012
Páginas: 288



Sinopse
1978. Enquanto a itália vive os dramáticos dias do sequestro do seu ex-primeiro ministro Aldo Moro, Milão, esgotada pelos confrontos políticos e ameaçadas pela criminalidade, prepara-se para se entregar aos prazeres excessivos dos anos 1980. Para a rica sociedade milanesa, que passa verões em Santa Margherita e Paraggi, as diversões se tornam cadavez mais extremas, em um clima de fim de império.
É nesse ambiente – entre restaurantes de luxo, discotecas, cassinos clandestinos e cabarés nos quais desponta uma nova geração de comediantes – que são conduzidos os negócios de um homem enigmático, fascinante e que se tornou cínico devido a uma mutilação resultante de uma insolência. todos o conhece como Bravo. Ele trabalha com mulheres. Vendendo-as. Sua existência é uma longa noite em claro partilhada com desesperados, como o amigo Daytono. O único ser humano com quem ele parece ter uma relação normal é Lúcio, seu vizinho cego. Em comum, eles têm a paixão pelos criptogramas.(...)

Resenha por Ver Sobreira

Índios, como prometi no início da semana a resenha de Memórias de um vendedor de mulheres, não percam a oportunidade de lê-lo. Chocante e imprevisível.

Desde do livro Eu mato também publicado pela Editora Intrínseca, que venho acompanhando Giogio Faletti, apesar de não ter lido este livro, li algumas informações sobre este escritor. Como surgiu a oportunidade de ler Memórias de um vendedor de mulheres aproveitei. Faletti é um escritor que descreve minunciosamente seus personagens. Ele tenta localizá-los em seu cotidiano, no modo de vida e de condução de suas vidas. O protagonista deste livro, Bravo, é um dos tipos que adoro. Sarcástico, metódico, controlado, ele tenta se fazer indiferente a tudo que ocorre à sua volta, porém ao longo da narrativa quando o autor vai nos revelando cada pedacinho da sua história, descobrimos outras facetas da personagem.

EU ME CHAMO BRAVO E NÃO tenho pau.
Essa poderia ser minha apresentação. O fato de eu andar por aí com um apelido, e não com um nome de verdade, não significa nada.(...)

Esta afirmação de Bravo, não é de todo verdade, pois acabamos decobrindo o  porquê, não vou fazer spoiler. Bravo é inteligente, perspicaz e sagaz. O negócio com as mulheres é porque ele sabe negociar, simples fato, como ele mesmo se expressa. A história que tem como pano de fundo uma Itália em momentos de transformações radicais, também nos revela um pouco da sociedade decadente e frívola daquele momento. A máfia caminha livremente fazendo seus negócios, na cara da polícia. A corrupção, os assassinatos, todo tipo de crime acontece sem grandes alardes, porém o glamour do próprio país não é deixado de lado por Faletti.

Bravo em suas relações tenta ser o mais econômico possível. Tem um "amigo" Daytona, porém suas relações nem sempre são bilaterais; há também Lúcio seu vizinho cego, talvez este sim seja seu verdadeiro amigo, pois conhece e compreende Bravo melhor que ninguém. Sua vida sofre uma mudança drástica quando conhece Carla, uma jovem faxineira, que está que cansada de ser pobre e miserável. Numa noite, em uma aposta com Daytona, Bravo consegue que ela sai com o amigo, mesmo ela não sendo naquele momento uma das "meninas" dele. Pouco tempo depois, Carla volta a procurá-lo e se coloca nas mãos de Bravo. A partir daí ela passa a desperta, coisas que ele julgava nunca mais senti, e  tudo vira de cabeça para baixo.

Novidades - Fabiane Ribeiro

Índios,

Nossa autora parceira Fabiane Ribeiro, fará um novo lançamento de seu livro Xadrez pela Editora Universo dos Livros, na Bienal de São Paulo dia 12 de agosto, no stand da editora e ainda terá um encontro de blogueiros a partir das 12 horas.  E depois  no dia 17 de agosto, ela retorna ao stand para bate-papo e autógrafos. Confira!










Livro Xadrez com nova capa - Jogando Xadrez com os Anjos



Próximo livro de Fabiane Ribeiro


O livro já está em pré-venda.

O ladrão de casaca

quinta-feira, 28 de junho de 2012


Arsène Lupin, gentleman cambrioleur
Maurice Leblanc
Editora Martin Claret

Tradução: Casemiro Linarth
ISBN: 97885723228329
Ano:2011
Páginas:194







Apresentação por Ver Sobreira

Os romances policiais são construídos de forma que em se possa chegar a uma conclusão a partir de ventos lógicos e precisos. O leitor é uma peça fundamental  na busca desta solução, porque graças a sua cumplicidade com a história ali abordada, é possível se mover até o desfecho. A leitura é sustentada pela curiosidade deste leitor, que não deve ser satisfeita no primeiro momento e sim aguçada. É preciso uma situação, uma ocorrência premeditada ou não para desencadear um mistério, ou seja, um assassinato, um roubo, é o enigma a ser desvendado. O que nos remete a afirmação de Sandra Lúcia Reimão (1983) o enigma atua, então, como desencadeante da narrativa, e a busca de sua solução, a elucidação, o explicar o enigma, o transformar o enigma em um não-enigma é o motor que impulsiona e mantém a narrativa.(p.11)

 O ladrão de casaca é uma coletânea de 9 contos, conta o adverso das história policiais, pois estes contos são conduzidas por Arsène Lupin, um dos ladrões mais famoso da história. Lupin é um cavalheiro que costuma assumir várias identidades. É capaz de praticar qualquer ação e sair ileso. Arsène que seguiu a carreira do pai é u, ladrão despreocupado e empolgado com seus primeiros êxitos, mas também sem paciência nem auto-controle. Seu encontro com a Condessa de Cagliostro dará a formação necessária para que se torne um grande ladrão, cheio de charme e disfarces.

Um dos contos mais interessantes da coletânea é O colar da Rainha, pois Lupin se meterá em mil uma confusões e terá que usar vários disfarces para conseguir seu intento. Porém ao final, para não se sentir superado por outro, ele faz o caminho inverso e devolve o colar. Confira. Para quem gosta de histórias policiais esta coletânea é bem interessante.

REIMÃO, Sandra Lúcia. O que é Romance Policial. Coleção  Primeiros Passos. Ed: Brasiliense. 1983

Últimos lançamentos - Editora Arqueiro

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Refúgio
Páginas:224
ISBN:9788580410723

Apresentado ao público pela primeira vez no suspense Alta tensão, Mickey Bolitar se vê obrigado a ir morar com seu tio Myron, um ex-agente do FBI, após testemunhar a morte do pai e internar a própria mãe numa clínica de reabilitação.
Agora o rapaz precisa se esforçar para conviver com o tio, de quem nunca gostou muito, e ainda se adaptar ao novo colégio. Para sua sorte, ele logo arruma uma namorada, a doce Ashley, que também é nova na escola. Quando sua vida parece estar entrando nos eixos, o destino lhe reserva uma surpresa: Ashley desaparece misteriosamente.
Determinado a não perder mais uma pessoa importante em sua vida, Mickey contará com a ajuda de seus novos amigos, os excêntricos Ema e Colherada, para seguir o rastro da namorada.
Para piorar, uma idosa reclusa da vizinhança lhe conta que seu pai ainda está vivo, sem dar maiores explicações. Quando esses dois mistérios se cruzam, Mickey descobre que está envolvido numa rede de intrigas que o levará a questionar a vida que acreditava ter.
Perspicaz e esperto como o tio Myron, Mickey está disposto a fazer tudo o que for preciso para salvar as pessoas que ama.
****
Mickey Bolitar nunca levou uma vida muito comum. Passou toda a infância se mudando para diferentes partes do mundo por conta do trabalho humanitário de seus pais, Kitty e Brad Bolitar.
Tudo parecia perfeito – o casal era muito apaixonado e se sentia realizado com seu trabalho. No entanto, seu filho estava entrando na adolescência e não parecia justo que ele não pudesse estabelecer raízes e fazer amigos, como qualquer jovem de 15 anos.
Decididos a viver de um modo um pouco mais convencional, Brad e Kitty retornam aos Estados Unidos, onde pretendem se estabelecer até que Mickey vá para a faculdade.
Mas a família é atingida por um doloroso golpe do destino: Mickey presencia a morte do pai num grave acidente de carro e Kitty, incapaz de lidar com a dor da perda, se entrega às drogas. O rapaz então se depara com o desafio de sobreviver a essa grande reviravolta em sua vida.
Em meio a um turbilhão de acontecimentos, Mickey tem que se esforçar para se adaptar à nova realidade. Ele só não imagina que seus problemas estão apenas começando...




Você está sendo vigiado
Páginas: 272
ISBN: 9788580410686


“Com uma trama bem construída, cheia de reviravoltas e revelações surpreendentes, Hurwitz nos deixa vidrados, tentando adivinhar até as últimas páginas quem é o verdadeiro inimigo.” - Booklist
Patrick Davis tinha um sonho: ver seu nome nos créditos de um filme. Mas não imaginava o preço que teria de pagar por isso. Logo depois de vender seu primeiro roteiro a um estúdio, sua vida entra em colapso. Ele não consegue se firmar como roteirista de Hollywood e, para piorar, seu casamento mergulha numa crise.
Misteriosamente, Patrick passa a receber DVDs com gravações dele e da esposa dentro de casa. Após descobrir câmeras escondidas, o casal procura a polícia. Dias depois começam as ligações e os e-mails anônimos propondo um acordo para que tudo volte ao normal. Desesperado, ele não hesita em aceitar a oferta.
Mas sua decisão se revela um erro. Logo ele se vê envolvido numa rede de intrigas que pode custar sua vida e a das pessoas que ama. Cada vez mais acuado, Patrick percebe que só há uma saída: superar seus inimigos ocultos no próprio jogo deles.
Eletrizante da primeira à última página, Você está sendo vigiado foi um enorme sucesso de crítica nos Estados Unidos, fazendo com que Gregg Hurwitz fosse apontado como uma das revelações do suspense, comparado a grandes mestres do gênero, como Harlan Coben.
****
Patrick Davis tem uma bela esposa, uma casa em Hollywood e acaba de vender um roteiro a um grande estúdio de cinema. Mas o que parece uma vida de sonhos se transforma em pesadelo: seu casamento entra em crise, sua agente o dispensa e um ator move um processo milionário contra ele.
O roteirista começa então a receber DVDs misteriosos. Alguém anda filmando Patrick e sua mulher na varanda, na sala e até mesmo enquanto dormem. Ainda sem entender o motivo de estar sendo vigiado, ele descobre câmeras e microfones espalhados pela casa.
A situação se agrava quando o casal passa a receber e-mails e ligações anônimas obrigando Patrick a realizar tarefas que o incriminam. Perseguido pela polícia e pela imprensa, ele busca desesperadamente provar sua inocência.
Cansado de ser manipulado, Patrick precisa reagir para salvar seu casamento, seu nome e sua vida. Só assim conseguirá provar a si mesmo e a seus adversários que não é o joguete que todos imaginavam.



Guerreiros da Esperança
Páginas: 288
ISBN: 9788580410679

Eu sempre ouvia dizer que as crianças reclamavam de ter que ir à aula. Nunca entendi aquilo, porque, apesar da aparência miserável de nossa escola, nos apaixonamos por ela desde o primeiro dia. Bu Mus e Pak Harfan fizeram com que a amássemos e, mais que isso, fizeram com que amássemos o conhecimento. Quando a aula acabava, reclamávamos de ter que ir embora. Quando nos davam dez deveres de casa, pedíamos vinte. Quando chegava o domingo, nosso dia de folga, mal conseguíamos esperar pela segunda-feira.
A ilha de Belitung, na Indonésia, é riquíssima em recursos naturais, mas abriga contrastes sociais gritantes: de um lado, a grande empresa de extração de estanho, com suas modernas instalações e seus ricos executivos; de outro, o povo nativo, que vive numa miséria indescritível.
É nesse cenário que a jovem professora Bu Mus e o diretor Pak Harfan tentam garantir a seus dez alunos o direito inalienável à educação. Eles têm que lutar contra as mais diversas dificuldades, como o estado decrépito do casebre em que as aulas acontecem, as constantes ameaças do superintendente escolar e as gigantescas escavadeiras, prontas para explorar o solo em seu terreno.
Porém, o maior de todos os desafios é insuflar naquelas crianças a dignidade e a autoconfiança. E nisso os professores são bem-sucedidos. Juntos, seus alunos aprendem o valor dos amigos, conseguem descobrir o que há de melhor em cada um e conquistam feitos inéditos para sua pequena escola de aldeia.
Com mais de 5 milhões de exemplares vendidos, Guerreiros da esperança se tornou o maior fenômeno editorial de todos os tempos na Indonésia. Em seu livro de estreia, Andrea Hirata nos leva numa comovente viagem pela beleza das amizades de infância, pela pureza do primeiro amor e pelo poder de superação que só o exemplo e a educação são capazes de oferecer.
****
Ikal é um menino pobre, que sonha em frequentar a escola. Porém, no dia em que seu sonho está prestes a se realizar, uma grande ameaça pode pôr tudo a perder: há apenas nove crianças inscritas na nova turma e o superintendente escolar deixou claro que, se não houvesse pelo menos dez alunos, a escola seria fechada.
No último minuto, quando tudo parecia perdido, chega Harun, um menino bem mais velho que os outros, que tem síndrome de Down. Nesse momento, a pequena escola da aldeia é salva pela primeira vez. E, mesmo que seus integrantes ainda não saibam disso, tem início a formação do grupo Laskar Pelangi, os Guerreiros do Arco-Íris, que ficará completo com a entrada da rebelde Flo.
Ao longo de anos de convivência, os pequenos guerreiros crescem juntos, experimentam aventuras, descobrem o amor, enfrentam desafios, conquistam vitórias inéditas, suportam perdas irreparáveis e precisam salvar sua escola muitas outras vezes.
Os direitos de publicação do livro de estreia de Andrea Hirata foram vendidos para mais de dez países. A obra foi adaptada para o cinema em 2009, com o título The Rainbow Troops. O filme ganhou reconhecimento mundial e foi exibido em diversos eventos, entre eles o Festival Internacional de Cinema de Berlim e o Festival de Cinema Indonésio, no qual recebeu o prêmio de Melhor Filme.
Guerreiros da esperança é a primeira parte da série Laskar Pelangi.Os outros livros são: Sang Pemimpi (O sonhador), Edensor e Mayamah Karpov.

Lançamentos - Editora Martin Claret

Kama Sutra  
Vatsyayana – Coleção A obra-prima de cada autor
Escrito para a nobreza da Índia por Vatsyayana, estudante celibatário que viveu em Pataliputra, o Kama Sutra faz parte da literatura religiosa hindu. Apesar do caráter erótico e com foco no prazer, seus ensinamentos pregam, em primeiro lugar, a elevação espiritual do homem.
Kama significa amor, prazer e satisfação. O termo é um dos pilares da religião hindu, em conjunto com o Dharma e o Artha (o mérito religioso e a aquisição de riquezas, respectivamente). 
A obra foi composta nos séculos I e II da nossa era e proclama a arte indiana do amor. O mundo ocidental conheceu o Kama Sutra por meio da clássica tradução de Sir Richard Francis Burton e Foster Arbuthnot. 
Atemporal, Kama Sutra é o maior clássico indiano sobre a arte do amor.

Código do Produto: 9788572328616
ISBN: 978-85-7232-861


Brás, Bexiga e Barra Funda 
Antônio de Alcântara Machado  – Coleção A obra-prima de cada autor
O paulistano Antonio de Alcântara Machado se destacou no movimento modernista quando publicou sua série de contos reunidos no livro Brás, Bexiga e Barra Funda (1927). Seus contos são muito elogiados pela crítica e retratam com humor e exatidão a vida na São Paulo da década de 1920. 
Brás, Bexiga e Barra Funda é composta por 11 contos que nasceram da experiência do autor como jornalista e são recheados do linguajar típico das notícias. Os três bairros paulistanos que dão nome ao livro retratam a influência e a integração dos imigrantes italianos na cidade de São Paulo.
Esta edição reúne também os 12 contos de Laranja da China (1928). Fruto de uma paródia do Hino Nacional muito popular na época de Alcântara Machado, “Laranja da China” é uma expressão que dá o tom humorístico e nacionalista aos contos, todos eles pincelados de humor e linguagem coloquial. 
Código do Produto: 9788572323635
ISBN: 978 - 85 - 7232 - 363 - 5


A Viuvinha / Encarnação
José de Alencar – Coleção A obra-prima de cada autor
José de Alencar é um dos maiores representantes da ficção romântica nacional e um dos fundadores de uma literatura brasileira autônoma de Portugal.
Em seus romances urbanos A Viuvinha (1860) e Encarnação (1893), Alencar presenteia o leitor com histórias de amor, paixões, ciúmes, heróis e heroínas, apresentando os costumes, comportamentos e interesses da sociedade carioca na época do Segundo Império. 
Caracterizados pelos preceitos medievais de revelação e conversão cristãs, e de amor e honra heroicos, os romances deste volume possuem importantes valores do Romantismo universal: o culto ao eu, o idealismo, o pessimismo e a melancolia.
Código do Produto: 9788572324571
ISBN: 978 - 85 - 7232 - 457 - 1


Elogio da loucura 
Erasmo de Rotterdam – Coleção A obra-prima de cada autor
Escrito em 1509 e publicado em 1511, Elogio da loucura é considerado um dos mais importantes livros da civilização ocidental e um grande influenciador da Reforma Protestante.
Neste ensaio singular, repleto de alusões clássicas, escritas no estilo típico dos humanistas do Renascimento – em que a loucura é a narradora que ao longo do texto vai mostrando o quanto está presente no mundo dos homens e que, no fundo, é quem torna a vida mais branda e suportável –, Erasmo critica o ensino da Escolástica, os falsos sábios distanciados da vida simples, a suntuosidade do alto clero em contraste com os ensinamentos de Cristo, a hipocrisia das instituições humanas e as guerras.
Uma das grandes obras do Renascimento, Elogio da loucura influenciou o processo das profundas transformações que marcaram o fim da Idade Média e início da Idade Moderna.
Código do Produto: 9788572327541
ISBN: 978 - 85 - 7232 - 754 - 1


Mahatma Gandhi 
Huberto Rohden – Coleção A obra-prima de cada autor
Mahatma Gandhi (1958), escrito pelo filósofo e educador Huberto Rohden, é um marco importantíssimo na cultura brasileira. 
Rohden foi um dos primeiros a trazer para o Brasil a biografia espiritual do imortal líder, místico e político indiano. 
Gandhi é um fenômeno de incrível força cósmica. Sua mensagem de não violência é a mais revolucionária estratégia social, política e religiosa dos nossos tempos.
A obra, fartamente ilustrada, contém uma série de fatos interessantes, descrevendo a trajetória de Gandhi: seus estudos, sua vida pessoal, suas ações como líder do movimento de independência da Índia, sua vida espiritual e sua influência para a humanidade.
Código do Produto: 9788572321129
ISBN: 978 - 85 - 7232 - 112 - 9


O beijo escarlate

Kiss of crimson
Lara Adrian
Editora Universo dos Livros

Tradução: Adriana Fernandes Machado de Oliveira
ISBN:9788579302299
Ano: 2011
Páginas:368


Sinopse
Unidos pelo sangue e por sombrios segredos, eles mergulham em um mundo repleto de perigos e prazer interminável...
Tess Culver é uma sensual veterinária que se envolve com um desconhecido ao tentar salvá-lo. Ela luta pela vida de Dante que não é relamente um homem, e sim um dos guerreiros da Raça dos Vampiros, que estão envolvidos em um batalha sangrenta. Em um momento repleto de sensualidade, Tess invade seu mundo – um lugar obscuro em que os vampiros Renegados espreitam pela noite, causando terror por onde passam.
Aterrorizado por visões de um futuro sombrio, Dante vive e luta  como se não houvesse amanhã. Tess é um contratempo de que ele nãi precisa – mas agora, com seus irmão sob ataque, Dante deve protegê-la de uma ameaça crescente que inclui ele mesmo. com um beijo imprudente e irresistível, Tess se torna parte importante de seu reino no submundo.
Ligados por um vínculo de sangue, Dante e Tess precisam se unir para acabr com inimigos letais, enquanto descobrem uma paixão que transcende às próprias fronteiras da vida...

Resenha por Ver Sobreira
O beijo escarlate é o segundo livro da série Midnight Breed, e conta a história de Dante e Tess. 

Dante é um guerreiro da Raça, apesar de não ser  da Primeira geração e um dos mais fortes combatentes deste grupo. Uma noite, depois de perserguir um grupo de Renegados ele acaba ferido e vai parar na clínica de Tess, uma dedicada veterínaria que guarda muitos segredos em seu passado.

O encontro deste casal é explosivo do começo ao fim, pois tanto um quanto outro tentam negar a atração incontrolável que sentem. A última coisa que Dante quer e precisa é se envolver com uma mulher, principalmente uma humana. Todo seu esforço para se afastar de Tess será inútil, ainda mais depois que ele descobre que Tess é uma companheira da Raça. O pior é que ele já tomou seu sangue, o que acaba criando um vínculo entre os dois.

O sangue jorrava na boca de Dante pelas duas perfurações paralelas no pescoço da mulher. Ele bebia dela com chupões profundos e urgente, incapaz de conter seu lado animal, que só conhecia necessidade e o desespero. Era vida  o que pulsava em sua língua e descia sedosa, doce e terna pela garganta ressecada (...)

Tess guarda segredos que a aterrorizam desde que ela era uma menina. Sempre se sentiu fora do lugar, deslocada e solitária. Ela tem o dom da cura e se acha uma aberração, pois foi isso que sua mãe sempre a fez acreditar que ela era, um  monstro. Agora, depois de anos, ela volta a se utilizar do seu dom para ajudar um homem misterioso e exótico que apareceu ferido em sua clínica. Ela o acha diferente, tem certeza que ele não é normal, porém sente uma atração inegável por este estranho.

Por já ter lido 8 dos 10 livros já lançados deste série, considero este o melhor. Tess e Dante é meu casal preferido, porque eles são super apaixonados. Dante seria capaz de abdicar de tudo para ficar com Tess.

Não deixem de ler  O beijo escarlate, segundo livro da série Midnight Breed.

Mas, o que é um leitor crítico?

terça-feira, 26 de junho de 2012


Um outro dia, em uma troca de mensagem no Facebook, estava conversando com a escritora Adriana Vargas e ela me disse que uma pessoa falou diretamente para ela que não leria os seus livros porque não ia com a sua cara. Interessante isso, ou no mínimo curioso. Ora quantos autores conhecemos pela "cara"?  E ai me veio a cabeça a expressão leitor acrítico, porque com certeza essa pessoa não tem nenhuma capacidade de crítica ou discernimento, pode ter certeza.

Mas, o que é um leitor crítico?

Pode-se dizer que: o leitor crítico é aquele que vai além do título e da capa de um livro. Sempre lê a sinopse, porém é uma ou duas palavras que contém nela que chama-lhe atenção. Ao folhear o livro ele encontra trechos que o fazem pensar naquela leitura como um desafio que tem que superar. Quase sempre o leitor crítico não se prende ao nome do autor, é verdade que o título sempre vai dizer algo mais a ele. Seja num texto verbal ou não verbal, ele sempre se colocará em alerta, não aceitando aquilo como uma verdade. E mesmo nos textos de ficção, ele sabe que o que está ali é apoiado no real, no sentido do real. Ele lê nas entrelinhas. Ele sabe que há pistas que o transportam para além do texto.

Não se iluda, mesmo em uma leitura de entretenimento, quando o leitor é crítico ele é capaz até de refletir sobre o porquê o autor terminou a história de um jeito e não de outro que parecia mais óbvio, mais adequado. Porque o leitor crítico sabe que nenhum texto é neutro, sabe que todo texto é criado com alguma intenção. É para entreter, é para relaxar, sim, mas sempre há  um algo a mais, além do texto. Exemplos: Por que será que nos últimos tempos temos lido uma profusão  de textos calcados no conceito de distopia? Uns de formas bem sutis e outros muito mais explícitos. O leitor crítico será capaz de entender nestes tipos de textos o reflexo da própria sociedade em que vivemos.

 Este leitor encontrará sentido nas pausas, na forma de pontuar do autor, no uso de uma determina palavra e   não de outra. O contexto sempre será algo que aguçará a atenção deste leitor. Não é a capa, não é o nome  do autor que fará este tipo de leitor ler um livro, pois ele sempre considerará um desafio, já que o leitor   crítico jamais criticará sem ler.

Abaixo deixou a vocês uma compilação do decálogo do leitor feito por Alberto Mussa1:

  1. Nunca leia por hábito: um livro não é uma escova de dentes. Leia por vício, leia por dependência química. A literatura é a possibilidade de viver vidas múltiplas, em algumas horas.(...)
  2. (...) Comece a ler cedo, leia clássicos para que você saiba discernir o que é bom e o que é ruim. Porém em minha opinião não leia somente eles. Porque inteligência e bom senso na leitura não tem só haver com ler os clássicos.;
  3.  Se uma leitura exige vocabulário de você, não leia sem dicionário, mas se isso não for possível tente marcar as palavras;
  4.  Se você ler um livro por mês, dos 16 aos 75 anos você terá lido 720 livros em sua vida, e por ai vai (...)
  5.  Faça do livro um objeto pessoal, um objeto íntimo(...)
  6.  Não se deixe levar pelo complexo de vira- lata. Leia muito, muito e nunca, nunca se esqueça da literatura brasileira(...)
  7. Na natureza, são as espécies muito adaptadas ao próprio hábitat que tendem mais rapidamente à extinção. Privilegie a literatura brasileira, mas faça diversas viagens a outros mundos(...)
  8. Tente evitar a repetição dos mesmos gêneros, dos mesmos temas, dos mesmos estilos, dos mesmos autores. A grande literatura está espalhada por romances, contos, crônicas, poemas e peças de teatro. Nenhum gênero é, em tese, superior a outro(...)
  9.  A vida tem outras coisas muito boas. Por isso, não tenha pena de abandonar pelo meio os livros desinteressantes. O leitor experiente desenvolve a capacidade de perceber logo, em no máximo 30 páginas, se um livro será bom ou mau. Só não diga que um livro é ruim antes de ler pelo menos algumas linhas: nada pode ser tão estúpido quanto o preconceito.
  10.  Forme seu próprio cânone. Se não gostar de um clássico, não se sinta menos inteligente. Não se intimide quando um especialista diz que determinado autor é um gênio, e que o livro do gênio é historicamente fundamental. O fato de uma obra ser ou não importante é problema que tange a críticos; talvez a escritores. Não leve nenhum deles a sério; não leve a literatura a sério; não leve a vida a sério. E faça o seu próprio decálogo: neste momento, você será um leitor.


As citações 9 e 10, eu coloquei na íntegra porque são elas em verdade que resumem a faceta de um verdadeiro leitor crítico. Ele não é um crítico literário, porém sabe exatamente o que ele quer ler ou não. Não somente, pela capa, pelo nome do autor, mas sim  porque um livro sempre será um livro.


Você encontra o decálogo original neste endereço: 
Leia-o
É para você? O que é um leitor crítico?


1.Sobre Alberto Mussa (Rio de Janeiro, 1961) é um escritor brasileiro.


Sua proposta é fundir a tradição narrativa ocidental aos relatos mitológicos de outras culturas, como a afro-brasileira, a da Arábia pré-islâmica e a do Brasil indígena. Suas obras foram publicadas na Argentina, Cuba, Portugal, Itália, França, Inglaterra, Romênia, Turquia, Espanha e Egito-Wikipédia


Evento - Literatura Nacional em Destaque

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Índios,
 Foi um sucesso nosso evento dos 5 novos jovens autores da Literatura Nacional. Agradecemos imensamente a todos que compareceram. Vamos colocar algumas fotos aqui, mas todos estão em nossa fanpage.



 Da esquerda para direita Hellen Pimentel, 
Thayane Gaspar, Ana Carla Santos e Fernanda Meirelles - meninas de talento



                                                                                  Uole da Silva -ansioso, hiperativo e talentoso




Amigas blogueiras - Camila Leite  do blog Sonho 
entre pontinhos e Lia Chisto do blog Doces Letras  no prestigiaram e ganharam livros que foram autografados pelos autores.


















Verônica  junto com Roxane Norris, autora de Immortales que será lançado em agosto na Bienal de São Paulo e terá um evento de  lançamento organizado pelo nosso blog no dia 14 de setembro de 2012, na Saraiva Mega Store do Norte Shopping aguardem; Lia Chisto ( Doces letras), Camila Leite( Sonho entre pontinhos) e Isabela Lima.


Equipe da Nobel, pessoas lindas e superatenciosas.

Acessem o Cadastro da Editora Modo maio/junho. 

A Escolha

The Choice
Nicholas Sparks
Editora Novo Conceito

Tradução: Ivar Panazzolo Júnior
ISBN: 9788563219299
Ano: 2012
Páginas: 303



Sinopse
A Escolha conta a história de duas pessoas bem diferentes: Gabby, uma mulher da Carolina do  Norte (EUA), que sempre obedeceu aos pais, comportou-se bem e nunca arranjou muito tempo para si, e Travis, o veterinário da cidade, que adora viver nos extremos, com seus esportes radicais.
Acontece que Gabby e Travis têm algo em comum: são vizinhos e amam cachorros. Ele tem um boxer gigante e ela,  uma border collie. E, graças aos cães, os vizinhos se conhecem.
No entanto, apesar de suas tentativas, Travis não consegue agradar a linda ruiva Gabby, que, definitivamente, parece não gostar dele.
Até o dia em que resolvem tentar de novo e se conhecer começando pelo "oi". A partir daí, a relação entre os dois muda completamente...
Abragendo os anos do primeiro amor, casamento e família, A Escolha nos faz refletir sobre a questão mais dífícil de todas: até onde  você iria para manter o amor da sua vida?

Resenha por Ver Sobreira

Bom, enfim me redi a Nicholas Sparks. Para falar a verdade, filmes, já vi quase todos baseados nos livros deles, mas livro, nunca tinha lido nenhum. É verdade que só tenho na estante um livro dele Um amor para recordar, que comprei depois de assistir pelo menos umas 5 vezes o filme. Várias pessoas tentaram me emprestar os  livros e sempre que algum de seus livros estava com preço em conta, eu penso " acho  que vou comprar esse livro do Nicholas Sparks" e ai sempre desisto. Por quê? A, ele é clichê, as histórias dele quase sempre são tramas  infindáveis. Moral da história, nunca lia. Até que nossa parceira Novo Conceito, nos enviou, ai falei, '"agora vou ter que lê-lo" e eu li. Confesso não estou apaixonada, e sim admirada por perceber como um autor consegue transforma histórias do cotidiano, que poderia ser comigo ou com você e traduzi-las em algo surpreendente e gostoso de ler.

A Escolha é a história de Travis e Gabby, eles são vizinhos que acabam se aproximando por conta de seus cães. O começo da relação deles é inusitada, pois Gabby chega de rompante na casa de Travis para reclamar que Moby, seu boxer, pode ter emprenhado a cachorra dela uma border collie chamada Molly. Ela simplesmente desabafa tudo em um só fôlego, sem sequer dar tempo para que Travis argumente. Passado este primeiro encontro, e não obstante o juízo que Gabby faz de Travis, eles tornam a se encontrar na clínica veterinária que Travis mantém com o pai. Deste momento e até se descobrirem apaixonados um pelo outro, basta acontecer um fim de semana, quando o namorado de Gabby, Kevin sai da cidade a trabalho e Travis a convida para um passeio de barco juntamente com seus amigos de infância, suas esposas e filhos e a irmã de Travis, Stefanie.

Sorteio - dia dos Namorados - Tribo do Livro e Editora Modo

domingo, 24 de junho de 2012

Promoção prorrogada até 30/06. Participe !
Declare seu amor com um livro da Literatura Nacional


 Índios,
O amor está no ar, clichê né? Não, nunca é clichê declarar nosso amor. Por isso a Tribo, juntamente com a Editora Modo  traz para você este sorteio. Declare seu amor com um livro de literatura nacional.  Para participa é muito simples. Vamos lá, primeiro você escolhe um dos livros abaixo que você gostaria de ganhar, e o resto é o de sempre:

Sua última flor                                                       Mannequim                                    Princesa de Gelo

                                 

                                                                                                                                                             Aqueça meu coração   
   O voo da estirpe

                                                         Sol em Minha Noite                                                            Depois do primeiro beijo                                                                                                    
                                                                                     
                                                                                                                                       
                                                                     
                                         Despertar

Regra:

  • Residir no Brasil;
  • Seguir  o blog publicamente;
  • Seguir @TribodoLivro;
  • Ser amigo da Tribo do Livro no Skoob;
  • Seguir o blog da Editora Modo;
  • Seguir  @MarketingMODOME;
  • Adicionar na sua estante no skoob o livro que você quer ganhar;
  • Validar este post com uma frase que conste o nome do livro que você quer ganhar.

Participe até 30 06.2012. Sorteio será pelo RANDON. ORG. Serão dois ganhadores que receberão os livros em até 30 dias. Participe!!!


Observação: Você pode aumentar sua chance, postando mais de um comentário, porém ao final você só ganhará um livro. Ok?

É hoje - Nosso Evento

sábado, 23 de junho de 2012

Pessoal, é hoje. Apareçam por lá !





Lançamentos - Editora Intrínseca

sexta-feira, 22 de junho de 2012

A aguardada sequência de Ecos da morte, lançado em setembro de 2011 com grande repercussão nas redes sociais.

Desejos dos mortos
Série The Body Finder – Livro Dois
Kimberly Derting
Tradução de Rita Sussekind
ISBN: 9788580571981

E-book:

Páginas: 288

Sinopse
Violet Ambrose tem o dom secreto de perceber os mortos. Não todos: só as vítimas de assassinato. Ela identifica sinais, ecos que a conduzem até os corpos desaparecidos e, consequentemente, seus algozes. Poucos sabem dessa sua habilidade, mas a descoberta de um cadáver é algo que chama a atenção de muita gente — inclusive do FBI.
Enquanto tenta manter seu segredo, Violet, involuntariamente, torna-se objeto de uma perigosa obsessão. Seu primeiro impulso, como sempre, seria pedir ajuda ao melhor amigo, Jay — porém, agora que os dois são um casal, as coisas não funcionam mais assim. Ele passa cada vez mais tempo com um novo colega, Mike, e Violet tem oportunidade de sobra para pensar e repensar sobre o que, afinal, está fazendo seu namoro dar errado. É então que ela se dedica a investigar a vida do recém-chegado Mike, e diante da trágica história familiar do garoto Violet se depara com uma verdade capaz de colocar todos eles em extremo perigo.

• Kimberly Derting vive em Washington, nos Estados Unidos, com o marido e os três filhos. Ecos da morte, primeiro volume da série The Body Finder, foi sua estreia literária.


“Um verdadeiro thriller, THE BODY FINDER fará o leitor andar olhando para trás e se recusar a sair por aí sozinho.” Booklist

“Suspense arrebatador.” Kirkus Reviews





Do mesmo autor de Um dia - Fenômeno literário que já vendeu mais de 160.000 exemplares no Brasil


Resposta certa
David Nicholls
Tradução: Claudio Carina
ISBN: 978-85-8057-204-9

E-book:
Páginas: 352





Sinopse
“Absolutamente encantador.
Uma história adorável;
esquisita e engraçada
como uma fotografia
dos tempos de escola.” People

O ano é 1985. Brian Jackson, com uma bolsa de estudos e ótimas notas, acaba de entrar para a universidade. E parece que finalmente conseguirá realizar um antigo sonho: aparecer em um popular programa de perguntas e respostas na televisão, no qual poderá demonstrar todo o seu repertório de cultura geral. Após entrar para a equipe da faculdade e passar pela fase classificatória, Brian se prepara para seu primeiro embate televisivo, ao mesmo tempo em que se vê apaixonado por uma de suas colegas de time: a linda, inteligente e assustadoramente elegante Alice Harbinson.
Quando Alice se recusa a ceder aos encantos ligeiramente ansiosos de Brian, ele arma um plano infalível para conquistar o coração de sua amada de uma vez por todas. Vai ganhar o jogo. A qualquer custo. Afinal, todos sabem que o que uma mulher realmente procura em um homem é uma vasta gama de conhecimentos gerais...

• Do mesmo autor de Um dia, fenômeno editorial e sucesso de público e crítica, que figura nas principais listas de mais vendidos do país e vendeu mais de 160.000 exemplares no Brasil.
• Roteirista duas vezes indicado ao BAFTA, David Nicholls assinou a adaptação para o cinema de Um dia, dirigida por Lone Scherfig, de Educação, e estrelada por Anne Hathaway e Jim Sturgess.


David Nicholls é autor do best-seller mundial Um dia. Nascido em 1966 em Hampshire, Inglaterra, e formado em literatura e teatro inglês, optou pela carreira de ator e recebeu uma bolsa da American Musical and Dramatic Academy de Nova York. De volta a Londres, atuou em espetáculos nos principais teatros da capital inglesa. Entre uma peça e outra, Nicholls trabalhou como vendedor numa rede de livrarias em Notting Hill. Após atuar como freelance, tornou-se leitor de peças e pesquisador da BBC Radio Drama, o que o levou à edição de roteiros na London Week Television e na Tiger Aspect Productions. Nessa época, começou a escrever e adaptou a peça Simpatico, de Sam Shepard, que se tornou um filme estrelado por Sharon Stone e Nick Nolte, em 1999. Ao longo de sua notável carreira como roteirista, recebeu duas indicações ao BAFTA. Além de Um dia e Resposta certa, publicou o romance The Understudy. David Nicholls vive em Londres com a mulher e os filhos.



“Perfeito para os fãs de Jogos vorazes.” Publishers Weekly

Caminhos de sangue
Série Dustlands: livro 1
Moira Young 
Tradução: Fábio Fernandes
ISBN: 978-85-8057-194-3

E-book: E-ISBN: 978-85-8057-193-6
Páginas: 352




Sinopse

O Lugh brilha que nem o sol.
Por isso que deve ter sido tão fácil acharem ele.
Só precisaram seguir a luz.

Saba passou a vida inteira na Lagoa da Prata, uma imensidão de terra desértica assolada por constantes tempestades de areia. A miséria e a aridez do lugar não a incomodam, contanto que o irmão gêmeo, Lugh, esteja por perto. Um dia, porém, uma gigantesca tempestade de areia traz em seu rastro quatro cavaleiros de manto negro, e a vida que Saba conhece chega ao fim: seu pai é morto, Lugh é raptado e ela não tem escolha a não ser embarcar em uma perigosa jornada para resgatá-lo.
Repentinamente jogada na realidade selvagem e sem lei do mundo fora da Lagoa da Prata, Saba não sabe o que fazer sem Lugh para guiá-la. Por isso, talvez, sua maior surpresa seja o que descobre sobre si mesma: é uma lutadora incansável, uma sobrevivente feroz, a mais astuta das oponentes. Com a ajuda de um audacioso e atraente fugitivo e de uma gangue de garotas revolucionárias, a busca pelo irmão fará de Saba a protagonista de um confronto que vai mudar o destino de uma civilização.
Com ritmo ininterrupto, muita ação e uma história de amor épica, Caminhos de sangue é uma aventura grandiosa ambientada em um mundo futurista e violento.

• O livro teve os direitos para adaptação cinematográfica adquiridos por Ridley Scott, diretor de Blade Runner – O Caçador de Androides e Alien, o Oitavo Passageiro.
• Caminhos de sangue chegará às lojas junto de ampla campanha em blogs e redes sociais.

“Uma estreia forte, que se destaca no já comum cenário pós-apocalíptico por sua linguagem intrigante e pela intensa voz narrativa.” Publishers Weekly

 “Alguém se surpreende que Ridley Scott tenha rapidamente adquirido os direitos de filmagem?” The New York Times Book Review



Da premiada autora de - A visita cruel do tempo



O torreão
Jennifer Egan
Tradução: Rubens Figueiredo
ISBN: 978-85-8057-190-5

E-book: E-ISBN: 978-85-8057-196-7
Páginas: 240



Entrar no torreão não era nada óbvio. Embaixo, não havia porta nenhuma — só uma estreita escada
de pedra que envolvia a edificação pelo lado de fora, sem corrimão.

“Um daqueles raros livros que nos fazem lembrar por que amamos ler.” Daily Mail

Danny é um nova-iorquino viciado em celular que, entre outros estranhos talentos, consegue detectar na própria pele se um lugar tem sinal de internet wi-fi. Quando seu primo Howard, de quem havia se afastado após uma brincadeira de mau gosto na adolescência, o convida para conhecer o castelo europeu que comprou e está reformando com a intenção de transformar em hotel de luxo, Danny acha que é uma boa oportunidade para retomar o contato e ao mesmo tempo fugir da confusão que arrumou em seu último emprego.
Ao chegar lá, no entanto, as coisas começam a ficar estranhas. O torreão do castelo, que serviu de fortificação durante muitos séculos e resistiu a diversas tentativas de invasão, ainda é ocupado pela antiga proprietária — uma baronesa sinistra que parece velha demais para estar viva. Uma piscina mal-assombrada e um traiçoeiro labirinto subterrâneo completam a aura de mistério do lugar. Quando o pânico toma conta de Danny, ele descobre que a “realidade” pode ser algo em que não consegue mais acreditar.
De maneira inventiva e subvertendo os limites entre fantasia e realidade, Egan constrói uma história que prende o leitor a cada página e nos faz ter vontade de reler o livro muitas vezes.

“Egan é uma escritora excepcionalmente inteligente, cuja alegria de se apropriar e de subverter gêneros e clichês – desde memórias da prisão até contos góticos de fantasmas – fica evidente a cada uma de suas páginas vertiginosamente inventivas.” Washington Post

“Egan constrói uma história de terror contemporânea surreal e assustadora, que se alterna espantosamente entre fantasia e realidade.” Sunday Telegraph

“Jennifer Egan é uma romancista difícil de classificar. Poucos escritores no nosso tempo, ou em qualquer outro, têm sido capazes de fazer o que ela faz.” The New York Times Book Review

Jennifer Egan nasceu em Chicago e cresceu em São Francisco. É autora do premiado A visita cruel do tempo, que venceu o Pulitzer de Ficção 2011, o National Book Critics Circle Award e o Los Angeles Times Book Prize. Publicou trabalhos em revistas como New Yorker, Harper’s Magazine, Granta e GQ. Por seus artigos de não ficção escritos para a The New York Times Magazine recebeu diversos prêmios jornalísticos. Vencedora do Galaxy National Book Awards 2001 na categoria Autor Internacional do Ano, Egan foi eleita uma das 100 pessoas mais influentes do ano de 2011 pela revista Time. A autora vive no Brooklyn com o marido e os filhos.


Ana Carla Santos

Pessoal para terminar nossa série de apresentação dos autores do nosso evento. Confira a entrevista de Ana Carla Santos, autora de Depois do Primeiro  Beijo


Sobre Ana Carla, 

Ana Carla Santos veio ao mundo em 14 de novembro de 79 não sabe realmente de onde ela é, pois nasceu em Maceió, mas passou a maior parte de sua vida no estado de Pernambuco dividida entre as cidades de Gravatá, Moreno, Jaboatão dos Gararapes, Igarassú e Recife. 
Atualmente mora no estado de São Paulo onde já se dividiu entre as cidades de São Paulo, Jandira e pelo amor de Deus! Osasco.
Seus avós paternos eram artistas de circo talvez por isso carregue esse sangue nômade nas veias. Vive modestamente numa pequena casa com seus 2 filhos. Não gosta muito de falar de si, é meio bicho do mato, mas quando sai da toca ninguém segura essa moça que vive a vida intensamente.

É romântica e de vez em quando tem ataques incontroláveis de riso, portanto não a convidem pra um velório, pode ser uma lástima. Sua veia artística pende a escrever romances e comédias. Adora filmes, músicas e livros. Não pode ver um gato na rua que já quer levar pra casa. Atualmente tem 3 mas já teve mais de 15, uns não a suportaram e foram embora . Não pretende parar por aqui sonha em escrever roteiros para o cinema que é sua maior paixão. 



TL:  Você está escrevendo para o público jovem.  Quais às  expectativas para o lançamento do seu primeiro livro?

Ana Carla: Nossa é uma sensação maravilhosa nem sei explicar direito. Quando vejo alguém querendo ler ou os que já leram se emocionarem com o livro é muito gratificante, me faz ver que todo sacrifício valeu a pena. Quando eu estava escrevendo o livro eu ficava imaginando as carinhas das garotas lendo e ficava pensando: meu Deus esse livro tem que ser publicado. Agora o sonho virou realidade é sensacional.

TL: Como você vê atualmente a  Literatura Brasileira Contemporânea com muitos autores sendo lançados?

Ana Carla: Se o mercado está crescendo é porque está  havendo  procura. As pessoas estão lendo mais isso é enriquecedor.  Graças a esses novos tempos tive a oportunidade de publicar meu livro.

TL: Escrever em primeira pessoa é mais fácil de que "contar uma história"?

Ana Carla:Tenho facilidade de escrever em qualquer tempo, mas em primeira pessoa  existe uma maior integração entre  personagem e leitor. Pra um livro que tem a proposta de fazer o leitor sentir todas as emoções em primeira pessoa é o ideal.  

TL: Nos fale um pouquinho sobre Depois do primeiro beijo.

Ana Carla: Digo que Depois do Primeiro Beijo é um clássico em pleno tempos modernos. E um livro que fala de sentimentos  na sua forma mas sublime, delicada. Através da personagem Juliana vamos  vivenciar aquelas  primeiras experiências,  expectativas, medos, micos e muita  aventura. Se passa em uma cidade fictícia chamada porto dos corais num universo onde o romantismo está em toda a parte, tem aquela coisa gostosa,  aconchegante e bem brasileira.  

Fernanda Meirelles

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Índios, continuando nossa apresentação dos autores do nosso evento. Agora é a vez da Nanda Meirelles.


Fernanda, fale uma pouco sobre a Nanda rsrs....

Olá! Meu nome é Fernanda Meireles, tenho 27 anos (ao menos até julho), sou casada, tenho gêmeas de 6 anos, estudo matemática e sou viciada em livros. Tanto em lê-los, como em escrevê-los. Sou autora dos romances juvenis “Um Sonho a Mais”, “Pra Vida Toda” e hoje estou aqui no Blog Tribo do Livro para falar um pouco sobre meu novo trabalho: “Aqueça Meu Coração”

Obrigada pelo convite, Verônica. Foi um prazer responder a essa entrevista!


TL: Você escreve para o público jovem. Quais às expectativas para o lançamento de Aqueça meu coração, já que este é seu terceiro livro?

Fernanda:  Minhas expectativas atualmente estão congelas na espera da reação do público. Algumas pessoas podem pensar que já ter títulos publicados anteriormente nos dá maior tranquilidade, mas, ao menos particularmente, é o contrário. Sinto uma enorme ansiedade com relação a comparações e ao meu crescimento como escritora. Desejo melhorar a cada novo passo dado e espero que meus leitores percebam isso

TL: Como você vê atualmente a Literatura Brasileira Contemporânea com muitos autores sendo lançados?
Fernanda: É animador. Os autores estão perdendo o medo de se expor e as editoras estão sendo “obrigadas” a ouvir o público mais desafiador que têm abraçado e alavancado a nova fase da literatura nacional. Algumas vezes me sinto no meio de uma revolução literária, espero que ela avance no caminho correto e dê bons frutos para todos.

TL:  Escrever em primeira pessoa é mais fácil de que "contar uma história"?
Fernanda:  Eu acho que sim. Ano passado escrevi um romance mais adulto em terceira pessoa e senti bem a diferença, embora dividir o foco e intensidade de sentimentos entre mais de um personagem é deliciosamente recompensador. Não saberia sequer dizer qual estilo de escrita é o meu favorito, rs.

TL: Nos fale um pouquinho sobre o livro.
Fernanda: Aqueça Meu Coração é o meu xodó até agora. Comecei a escrevê-lo em 2009, mas demorei a encontrar o caminho certo. Mudei tantas coisas de lá para cá, sua produção foi algo tão contínuo no meu dia-a-dia que é impossível não sentir essa familiaridade com a obra. Brinco com meus amigos mais próximos que em vários momentos do livro usei de minha própria experiência juvenil, então receio que ao ler, alguns se encontrarão no meio da história.

Novidades - Editora Novo Conceito

terça-feira, 19 de junho de 2012

Lançamento 27 de julho


Bem mais perto
Sinopse
Quando Brooke descobre que o amor de sua vida, Scott Abrams, está se mudando do subúrbio de New Jersey para Nova York, ela decide segui-lo até lá. Viver com o pai ausente e se adaptar a uma escola totalmente nova são desafiantes para ela — e as coisas ficam ainda piores quando ela descobre que Scott já tem uma namorada. Mas como ela aprende a sobreviver na cidade grande, começa a descobrir todo um novo lado de si mesma e percebe que, às vezes, o amor pode te encontrar mesmo quando você não está olhando para ele.









Sobre a autora
Susana Colassanti
Antes de se tornar uma autora em tempo integral, foi professora de ciências no Ensino Médio por quase dez anos. Você pode se conectar com Susane pelo site www.susanecolasanti.com















Belle 

Sinopse
Londres, 1910. Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris.
Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro.
Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente.
A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade?
Autora #1 bet-seller, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte que luta por seus direitos em um mundo perigoso.

Sobre a autora
Lesley Pearse ouvia dizer, quando criança, que tinha imaginação demais para seu próprio bem. Quando cresceu teve várias experiências, como babá, bunny girl, costureira e mãe em tempo integral, até iniciar uma carreira que permitiria que seu dom aflorasse. Aos 49 anos de idade, tornou-se escritora. Atualmente, mora nos arredores de Bristol. Lesley tem três filhas e dois netos.
















Um lugar para ficar 
Sinopse
O relacionamento de Clara com Christian é intenso desde o começo e diferente de tudo o que ela já havia experimentado. No entanto, o que começa como um grande afeto rapidamente se transforma em obsessão, e já é muito tarde quando Clara percebe que as coisas foram longe demais e que Christian está disposto a fazer de tudo para ficar ao seu lado. Então, Clara parte da cidade e Christian fica para trás. Ninguém sabe onde ela está, mas, mesmo assim, Clara ainda luta para se livrar do medo. Ela sabe que Christian não vai permitir que ela suma tão facilmente. Não importa para onde ela vá, nunca será longe o bastante…









Sobre a autora
Deb Caletti e sua família vivem metade do tempo no subúrbio de Seattle e outra metade em um barco, num tipo de casa flutuante. Suas melhores inspirações vêm de sua mãe, seus filhos e de seu cachorro, os quais não parecem se importar. Quando não está escrevendo ou lendo livros, Deb se dedica à pintura e a aulas.






Resultado - Tribo 400



Índios, confira o resultado do Sorteio - Tribo 400. Obrigada por participarem. Os ganhadores têm até dia 21/06/2012, para enviar um email para: caciques@tribodolivro.com, escolhendo qual kit quer. A escolha é por ordem de chegada do email.

Pelo TWICKET - @meaddac e @izabel_sobr






















Pelo RANDOM -

1- Lhaisa Andria
2- Almerinda Sobreira
3- Bel Cris
4 - :P Lari
5- Gabriela Medeiros
6- Rafael Dorr
7 - Ju - entrepalcoselivros
8 - Gabriela Taranto
9 - Bruna costenaro
10- Israel Felix
11 - Dirce Mendes
12- João Pedro
13 -  Meadd FC Ana Carolina
14 -  New Pictures
15 -  Unknown
16 -  Clarissa
17 -  Karini Couto
18 -  Heli
19 -  Tati Oliveira - O mundo Brilhante
20  - Monica
21- João Vitor Quintanilha
22 -  Pires de Lima
23 -  Raiana
24 - Mix Literario  - Kari Lima





A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique