Para Sempre

quinta-feira, 8 de março de 2012

The Vow
Kim e Krickitt Carpenter
Editora Novo Conceito

Tradução: Ivar Panazzolo Júnior/Colaboração: Dana Wilkerson
ISBN: 9788581630083
Ano: 2012
Páginas: 144

Sinopse
A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava. 

Resenha por Ver Sobreira

Histórias de amor, são sempre histórias de amor. Mas, a história de Kim e Krickitt Carpenter é muito mais que isso, pois é a verdade sobre almas gêmeas, almas que se reconhem, o amor que foi ditado para realizar-se independente de qualquer coisa, qualquer percalço. E, também, uma narrativa de fé, de sobre se ter fé em o que se acredita.

Após o acidente que quase matou Krickitt, Kim teve que reconquistar sua esposa, pois ela esqueceu-se de tudo que eles tinham vivido até aquele momento. Como Kim afirmou, a Kricktitt com quem ele havia casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava. Para Sempre é uma não-ficção, porém traz consigo toda magia dos bons romances, porque conta a história de uma amor que correu o risco de ser destruído, se não fosse a constante fé de um dos parceiros desta relação, Kim, que era consciente da difícil situação que iria enfrentar e que nunca ou quase nunca fraquejou no caminho para trazer sua esposa de volta. Este livro, é uma espécie de salto de fé de seus autores, e creio que talvez, e principalmente eles queiram demonstrar através da escrita a por vezes dolorosa e por outras renovadora experiência que tiveram.




Como livro de não-ficção, Para Sempre, tem  um certo "q" de autoajuda, mais uma vez por ser baseado nesta vivência que os dois, Kim e Krickitt precisaram superar para fazer com que ela, Krickitt, pudesse resgatar o amor tragado pelo acidente. Creio ser inevitável pela história tratada. Particularmente, não sou chegada a livros de autoajuda, muito mais comuns nos  Estados Unidos, que aqui. Comento isso, porque em muitos momentos o personagem-narrador,– se é que podemos chamá-lo assim –, recorrerá a alguns clichês para justificar a situação em que se encontra com sua esposa. Mas, tirando isso, é essencialmente uma história de amor e superação de obstáculos.

O livro é curto. Cento e quarenta e quatro páginas de uma luta constante. Nela, lemos Kim e Krickitt por horas se retraírem um com o outro, e vez por outra se jogarem de cabeça para vencer esta luta. Temos as dúvidas com relação ao amor e a força que ele exerce  sobre as pessoas. E principalmente, a esperança de um homem que sempre acreditou ser possível, não só recuperar fisicamente sua esposa, mas também recuperar seu amor, sua paixão perdida para o acidente.

...Quando Krickitt declarou que era solteira, daquela maneira tão tranquila e natural, senti como se alguém houvesse enfiado uma faca no meu peito (...) Eu abri a boca, mas percebi que não tinha nada a dizer (...) havia feito um juramento(...) Krickitt era a minha esposa, em tempos tranquilos ou tempos difíceis. E aqueles eram, provavelmente, os piores tempo para nós (...) 

Não há muito que dizer sem colocar spoilers aqui, – coisa que não sou muito adepta –, ou simplesmente contar a história toda. Há uma necessidade de lê-lo e compreender as mensagens de amor, fé e esperança, e ele nem é uma livro religioso. Apesar de constantemente fazer referência a fé religiosa e dos personagens contarem principalmente, e não somente com esta força invisível. Porém, há também a força da família e dos amigos aos quais Kim e Krickitt recorrerão sempre.

Bom é isso, é um livro simples, fácil e rápido de se ler. Mas, para aqueles menos fissurados na leitura e que adoram cinema,  a adaptação com  Channnig  Tatum ( G.I. Joe, entre outros) e Rachel Adams( Diário de uma paixão, Sherlock  Holmes ) estreio no começo de fevereiro nos Estados Unidos e foi campeão de bilheteria na semana de estreia. No Brasil, a data prevista é 13 de abril de 2012. Então, vamos aguardar  o filme, lendo o livro.

26 comentários :

  1. Fiquei apaixonada pela resenha desse livro! *---*

    ResponderExcluir
  2. *-* a resenha mostra que o livro é lindo.... Quero muito ler ele

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, amei a resenha...Ficarei torcendo...Quero muito ler este livro apaixonante!

    ResponderExcluir
  4. Tenho amigas que leram e me recomendaram a história. Quero muito ler *--*

    ResponderExcluir
  5. Mesmo sendo um livro simples, me chama muito a atenção. Acho que estou precisando ler algo de amor meio auto-ajuda, hahaha.
    Suas resenhas são muito boas!

    ResponderExcluir
  6. Parece bem interessante e envolvente...ansiosa para ler.

    ResponderExcluir
  7. Esse livro tem tudo para se tornar um best-seller entre os mais apaixonados, e com certeza, estarei entre eles.
    O amor retratado no livro é de maneira tão pura e intensa, que não tem como não se apaixonar também!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, eu não fazia ideia de que o livro era de não-ficção, que awesome! Enfim, logo no primeiro parágrafo da resenha eu já fiquei ansioso para ler o livro, parece muito bom. Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  9. Pra falar a verdade a historia não chamou muito a minha curiosidade, achei muito agua com açucar.

    ResponderExcluir
  10. Eu não sei o que pensar desse livro, já li algumas resenhas, e no fim não sei, acho que o interessante é saber que é baseado em fatos reais, e td que vc leu aconteceu...

    Miquilis:
    Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  11. Esse livro é lindo!!! Me apaixonei desde a 1ª vez que vi a capa, e depois do trailer do filme então... Quero muito ler!

    karolyne_oliver@hotmail.com
    @karolyne_so

    ResponderExcluir
  12. Uau, parece ser muito lindo esse livro, acho que dá para tirar lições muito importantes para a vida

    ResponderExcluir
  13. Eu amo a capa desse livro! E amo o fato de ele contar uma história real!! É lindo ver um amor assim em um mundo em que qualquer coisa pequena é motivo de separação, dá um certo alívio!

    Ju
    entrepalcoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. PARA SEMPRE é o estilo de livro e filme que assisto, choro e passo dias pensando nos personagens.
    Essa história é uma lição de vida pra tds nós e quero mto conhecer.
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. PARA SEMPRE parece ser uma leitura leve e pelo que vi na livraria, rápida ! Com toda essa trama pensei que haveria mais páginas, mas acho muito fofo ser uma história real de um casal, adoraria ler.

    @alanafarias

    ResponderExcluir
  16. Para Sempre muito fofo *_* uma lição de vida...louca para ler.bjs

    ResponderExcluir
  17. Sempre consigo ler livros grandes muito rápido , quando peguei este livro para ler , imaginei que eu iria conseguir ler ele em algumas horas , mas demorei muito , por que é uma leitura cansativa , e o autor da muuuuuuitas voltas na história , não cansa de repetir que o acidente aconteceu apenas dois meses após o seu casamento , e o quanto sua esposa era fiel a Deus , eu achei a história em si muito boa , mas cansa muuuito ler ele !!!!

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique