Entrevista - Paula Vendramini

sábado, 24 de março de 2012

Índios,
Continuando nossa série de entrevistas com os novos autores. Apresentamos uma escritora do Paraná, Paula Vendramini. Autora escrevia Fanfics e apaixonada por literatura de fantasia. Seu livro Devoy- Kassan I,  de literatura fantástica será publicado em abril pela Modo Editora.

A autora por ela mesma
 Paula Heloisa Vendramini. Nascida em Toledo, no Paraná, vivi em Foz do Iguaçu minha completa adolescência e agora moro em Curitiba (e adoro o friozinho que faz aqui!). Atualmente faço curso Técnico de Eventos na IFPR, mas já passei por Letras e Artes Cênicas. Moro com meu marido e minha filha, Luna (com lindos três anos e muita imaginação!).

Eu vou falar praticamente a mesma coisa que a autora Lhaisa Andria, mas como estamos há mais de uma década juntas, não tem como não ficar parecido! Faço parte de um grupo de escritoras chamado LAP há 11 anos e, durante esses anos todos, desenvolvemos produções (fanfics, textos, vídeos, desenhos) e organizamos eventos culturais/literários (EP Foz, AnimeFoz e oficinas em Feiras Literárias). A Lhaisa Andria, vista na entrevista aqui também, é a L da LAP e, como ela disse, apesar de não termos combinado lançar nossos livros juntas, foi uma felicidade imensa com o fato! =D Nosso trabalho está disponível no site: http://laproom.wordpress.com

Publiquei pela Editora Andross contos nos livros Tratado Secreto da Magia vols. 1 e 2 (no 2 existe um conto que se passa no mundo de Devoy!) e Histórias Envenenadas vol. 1.

TL: Oi, Paula, é meio chato perguntar o óbvio, mas quando você soube que queria ser escritora?

PV: Eu sempre gostei de ler e escrever, desde pequena. Minhas histórias e escritos preencheram boa parte de minha infância, e, principalmente, adolescência. Passei por muitas profissões e minha principal intenção era ser atriz, mas sempre estava escrevendo. E, então, depois que engravidei e tive uma pequena luz, uma chama se acendeu na minha mente e eu percebi que, na verdade, eu nunca deixei de escrever. Enquanto tudo o mais que eu fazia perdia o desejo e a felicidade ao fazer com o tempo, escrever estava sempre ali. E escrever é o que me impulsiona a crescer e ser mais feliz! =D


TL: Como você vê atualmente a Literatura Brasileira Contemporânea com muitos autores sendo lançados?

PV: Tive muitos problemas na minha época: limitações quanto aos livros na biblioteca. E como vivi o processo que Harry Potter impulsionou, posso ter certeza que muitos autores, antes perdidos no meio de tantos livros sem sentido, agora podem mostrar ao mundo que o Brasil também tem livros de ótima qualidade.


TL: Devoy- Kassan é seu primeiro livro que será lançado? Qual a sua expectativa em relação a isso?

PV:É a mesma sensação de entrar no palco pela primeira vez: mesmo com a preparação de anos e muitos ensaios, o frio na barriga e o coração palpitando sem parar são inevitáveis.

TL: A história do livro Devoy  e/ou  a personagem Celebriant é inspirando em algo específico?

PV: Devoy era, antes de tudo, uma fanfic minha baseada no mundo de Harry Potter. A personagem Celebriant marcou muito e a fanfic foi muito apreciada e comentada na época que escrevi. E, mesmo com a mudança de mundo e alguns personagens, Celebriant continuou a mesma personagem especial que era na fanfic. Então, para falar a verdade, ela existia antes mesmo do livro, já me pressionando para mostrá-la ao mundo! =D

TL:  Em quais elementos culturais você se apoiou para escrevê-lo?

PV: Acho que não me apoiei em elementos culturais, mas sim, ideologias próprias minhas, como a ideia de que o mundo pode mudar se você muda. No livro 2 tem mais elementos culturais que me apoiei, mas não posso falar muito senão dou spoiler! =D


TL: Num primeiro momento, Celebriant me pareceu uma personagem comum, mas ao longo da história podemos ver várias facetas desta moça. Mediante isso,qual personagen foi mais fácil para criar e qual o mais difícil?

PV: Não acho que existam dificuldades entre criar os personagens, mas sim para traçar o caminho deles na trama. Mesmo assim, tenho que dizer que entre todos eles, o mais difícil (ou doloroso, dependendo da parte do livro) e o mais surpreendente, são o Erik e a Saori.
O Erik foi muito complicado de escrever, pois a história dele é completamente diferente do mundo onde Celebriant vive e tudo o que ele sabe e o que ele pensa é muito importante. Tive também que tomar o cuidado para não expor tudo o que ele sabe.
Já a Saori foi surpreendente, pois, a princípio, ela era a luz de Celebriant, aquela que a ajudaria e apoiaria, mas, com o passar da história ela se tornou muito mais e cresceu de uma forma que seria impossível imaginá-la sem ela.

TL:. Há algum personagem em especial que é inspirado em alguém ?

PV: Nesse primeiro livro a única que me inspirei em alguém foi a Celebriant, que é a mesma da fanfic, mas elas têm vidas diferentes e estão inseridas em mundos diferentes.

TL:.Quando o livro terminou como leitora fiquei curiosa, com essa nova trajetória. Este é o primeiro livro de uma série ou trilogia? O que você pode nos adiantar sobre a continuação da historia de Celebriant

PV: Será uma série de quatro livros, a princípio. O meu mundo também é passível de novas histórias, independentes de Devoy, portanto não sei sobre o que farei depois!
E sobre a continuação? Sem spoilers, não é? =D No segundo livro da série, Celebriant Devoy vai se conhecer e desenvolver sua Intueri, descobrir o motivo pelo qual ela têm dois poderes e qual é sua real relação com o Escolhido. E, obviamente, os leitores vão conhecer os famosos Rebeldes.

TL: Costumo dizer que livros também são lidos nas entrelinhas. Em Devoy-Kassan, é possível perceber –mesmo sendo uma narrativa fantástica – uma certa crítica a uma sociedade maniqueísta, preconceituosa e elitista. Você crê que através das histórias, sejam elas ficção ou não-ficção é também papel de um livro discutir os rumos que o mundo está tomando? Pergunto isso porque sou partidária  de que até a ficção deve nos ensinar algo.

PV: Na verdade eu não criei o mundo de Devoy baseando-me em uma sociedade assim. Como? Bem, eu primeiro criei a Celebriant e seus ideais e pensamentos. Depois, criei um mundo que sustentasse a história dela.
Cada história, cada ideia e cada pensamento nosso tem uma ideologia. Geralmente seguimos isso nos nossos textos e ações. Devoy, portanto, segue sim meus pensamentos. O principal deles é que eu trabalho bastante com a manipulação da pessoa de dentro "pra" fora. O crescimento da personagem e todo seu empenho em querer mudar foi que me fez criar um mundo dessa forma, um mundo que eu também gostaria de ter o poder de mudar.

TL: Para terminar. Você acredita que os blogs literários ajudam na divulgação ou não de um livro?

PV: Acredito que os blogs literários são essenciais na divulgação de um livro. São neles que os jovens hoje encontram quais livros estão saindo e quais os interessam. A internet ajudou muito o alcance e a interatividade com os autores e os leitores.

Jogo Rápido

Uma cor: Roxo;
Uma flor: Rosas Vermelhas;
Uma música: Running - Sarah Brightman (porque correr para mudar o mundo todos nós podemos, é só querer);
Um livro: Harry Potter (idem à Lhaisa: sem ele não teria Devoy);
Um filme: Difícil escolher, mas A Origem foi um dos que mais me instigou;
Um sonho: Ser mãe e publicar Devoy já são dois sonhos realizados, os outros estão a caminho! =D;
Viagem dos sonhos: Londres e Cordilheira dos Andes!
Maior desejo: poder realizar todos os projetos da LAP o/ (e ter dias de 30hs)[concordo com a Lhaisa, o/);
Frase: "Uma vez um professor de inglês me disse: leia como se você fosse um escritor e escreva como se você fosse um leitor." Jacquie Butler


6 comentários :

  1. Finalmente Devoy em livro! xD
    Como leitora beta da história: esperam ansiosos pela continuação! :D Celebriant ainda tem muito o que aprender xD

    ResponderExcluir
  2. O livro deve ser muito bom e a capa maravilhosa, estou aguardando lançamento ! Sucesso a Paula!

    ResponderExcluir
  3. A paula está aí para provar que o universo litarário nacional tem muito para oferecer. Parabéns pela entrevista.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns por ser autora da MODO! ^^
    Modo chegando com força e com ótimos livros! ;D

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela entrevista.
    Ficou Show!!!
    Sucesso!!!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns! A capa do livro tá bem legal! Interessante!

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique