O Imortal

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012


Vanessa Bosso
Editora Dracaena

ISBN:9788564469402
Páginas: 207
Ano:2011
Sinopse

Inteligência, beleza, dinheiro, mulheres, carros, um belo castelo no Vale do Loire e um confortabilíssimo estilo de vida o caracterizariam fatalmente como um bon vivant, não fosse um pequeno detalhe, ele simplesmente não queria mais viver.
Em seus 533 anos de existência, Nicolas gozou de tudo que a vida lhe poderia proporcionar, porém entediado e recluso, a imortalidade adquirida em uma experiência alquímica no século XV o cansara e nada mais era capaz de manter aceso seu desejo de viver. Completamente desiludido, após algumas tentativas fracassadas de suicídio eis que...
(...)Fiquei completamente apavorado com o que comecei a sentir. Recuei dois passos e voltei para a sala de música. Minha respiração estava ofegante e meu coração dava saltos mortais dentro do peito. Sentia que finalmente ia morrer. O problema é que agora eu iria contrariado (...)Fiquei ali, parado, feito um idiota. A linda morena olhou para trás e me lançou um sorriso arrebatador. Senti como se flechas envenenadas viessem na minha direção. E para meu azar, ou sorte, uma delas fincou bem no meu coração(...)

Resenha por Pricilla Prazeres

Nicolas é o homem perfeito, do tipo que qualquer mulher gostaria de arrematar num leilão sentimental. Bonito, inteligente, educado, romântico à moda antiga e charmoso, nosso herói ainda possui uma inteligência fora do comum incrementada ao longo de seus 500 anos com a amizade com personagens como Nicolas Flamel, Einstein e Freud. Como se todos estes adjetivos já não bastassem, nosso herói domina a arte de transformar o metal simples em ouro, ou seja sua fonte de riqueza é inesgotável e o melhor de tudo, é imortal, o que significa que jamais deixaria sua parceira solitária após longos anos bem vividos de amor.


Porém, o que a princípio seria um bônus, torna-se um ônus para o próprio protagonista que já não agüenta mais viver entre os mortais. Cansado de ver os dias passarem iguais e perder a todos que ama, Nicolas busca incessantemente a morte, até que conhece Sophie, uma garota que aparentemente não possui encantos especiais, mas que é capaz de fazer o que ninguém conseguiu fazer em 533 anos, fisgar o coração de nosso herói e despertar nele uma intensa paixão. Porém para ficarem juntos, o casal terá de enfrentar ameaças terríveis, como seus próprios julgamentos do que é certo e errado.

A narrativa toda se dá em primeira pessoa, onde Nicolas conta a partir de seu ponto de vista os fatos que desenvolvem a historia. Além de uma historia de amor, esta é também uma historia sobre amizade, uma amizade tão pura e forte que nos remete muitas vezes a Quixote e Sancho ou a Holmes e Watson, pois se não fosse pela ajuda de seu fiel “mordomo amigo”, Pierre, Nicolas jamais seria capaz de seguir sua vida, nem mesmo de conhecer Sophie.

Além da narrativa intrigante, ressaltamos mais três pontos que tornam a obra uma leitura obrigatória. Primeiro o palco deste grande espetáculo é o Vale do Loire na França, uma região famosíssima por seus vinhos, pelos castelos e por ilustrar com esplendor os ideais do Renascimento e do Iluminismo francês, o que confere um clima todo particular à leitura da obra. Segundo, a obra possui uma musicalidade espontânea e muito eclética, que vai desde o Bolero de Ravel até Nothing Else Matters do Metallica, citados pela autora, que de fato são melodias embaladoras para a leitura. O terceiro ponto refere-se ao final da história, o que obviamente é segredo, mas posso garantir que é surpreendentemente de outro mundo.
Por fim, relaxe leitor, escolha uma boa poltrona, sua garrafa de vinho favorita, coloque a vitrola pra rodar e deixe-se levar por este incrível romance a um lugar fabuloso, nem que este esteja apenas dentro de você mesmo.

2 comentários :

  1. Uau, essa resenha me deixou sem fôlego!!! Hehehehehe... adorei, adorei! Um beijo enormeeeeee!

    ResponderExcluir
  2. Porrada no blogger... kkkkkkkkk, deletou meu comentário, ora essa >.<
    Bom, como eu disse no anterior, rs.
    Eu adoro a temática de romance entre pessoas de idades bem diferentes, ainda mais quando a mocinha é tida como normal e comum pelos jovens da época, porém incrível para o ser de trocentos anos, rs.
    bjs

    ResponderExcluir

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique