Memnoch - DL 2012

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Memnoch, the devil
Anne Rice
Editora Rocco

Tradução: Waldéa Barcellos
ISBN: 8532507530
Ano: 1997
Páginas: 346

Sinopse:
O vampiro Lestat está de volta.Desta vez, num romance fantástico, ele enfrenta a maior das tentações: Memnoch, que afirma ser o diabo em pessoa. Memnoch coloca o imortal diante da oportunidade de voltar no tempo, conhecer a criação, visitar o purgatório e escolher entre o céu ou se tornar um príncipe no inferno.

Nessa viagem de extremos, a autora propõe algumas situações que podem incomodar aos mais impressionáveis, mas que certamente tornam a leitura mais instigante. Memnoch conta a sua história: era um arcanjo escolhido por Deus para acompanhar o começo da criação mas cai em desgraça, quando se recusa a aceitar a indiferença divina com os homens, relegados aos mais diversos sofrimentos.

Lestat se encontra diante do argumento de que um Deus misericordioso não permitiria que suas criaturas vivessem em meio a tanta crueldade e injustiça. E que afinal, o diabo seria o único tentando salvar as almas através do purgatório.

Segundo Anne Rice, numa carta aberta aos seus fãs na Internet, o livro mexeu muito com ela: "Usei muitas blasfêmias, mas você tem que amar muito a Deus para ser um verdadeiro herege."

Resenha por Thales Ferreira

Nesta nova obra de Rice, o quinto livro de suas Crônicas vampirescas, o anti-herói Lestat terá de reaver algo perdido com o próprio Demônio - aqui retratado da maneira mais cristã possivel (1). Tudo começa com uma de suas capiciosas decisões e, logo envolto em uma viagem atemporal de auto-conhecimento e redescobertas, é assediado pelo diabo para o serviço de "anjo da morte".

De forma subilinhar, a autora refaz o caminho que Jesus havia cruzado colocando então seu personagem, evidente que com suas próprias reações aos acontecimentos. Lestat vê-se tentado ao invadir os céus e ter Face-a-Face com a própria encarnação do divino. Porém, a intenção do diabo não é tão sublime e logo fica explícita quando ao, levá-lo ao seus dominios, força-o além da persuasão a se manter - inclusive com injúrias e degradações físicas - e continuar o trabalho de "adversário".


Memnoch aqui, coloca-se ora como homem ora como anjo, enquanto caminha e desenvolve suas parábolas, novamente trazendo o conceito cristão como ele mesmo se coloca, parafraseando a Sagrada Bíblia por diversas vezes. Não se vê grande interferência dos outros vampiros nesta viagem solitária de Lestat até seu climax, quando cenas impressionantes são trazidas à tona e o desenrolar para o próximo livro - O vampiro Armand.

Lestat, sozinho, tenta perdurar passo-a-passo nas informações que são lançadas pelo demônio, sendo perturbado esporadicamente por um espírito (culpa) e fragilizando-se com a filha do assassinado (recompensa pelo crime sendo revertida).

É uma obra que não necessariamente se encaixa na cronologia das Crônicas, como já dito, deixa apenas a margem para a continuação, mas nem por isso substancial. Algo similiar já havia começado com "A história do Ladrão de Corpos" que não segue uma ordem mas serve para apresentar o futuro cronista, David Talbot, mutado vampiro por Lestat e após Memnoch, Merrick. Fato que do livro 4 em diante a cronologia se altera e novos personagens são introduzidos, nem sempre mantidos.

Fato que Memnoch é extremamente interessante e merece ser lido, mostra um lado preocupado de Lestat que não vemos e claro, Rice se dedicou exclusivamente a esta obra durante o maior tempo sendo justamente a época mais conturbada de sua vida. Recomendado, mesmo que não seguindo a ordem das Crônicas.

(1) Memnoch foi escrito na época dificil de Anne Rice, logo que seu esposo descobriu-se doente e a forma dela aceitar foi incluindo o conceito de "mal"e "bem", com o próprio demônio na obra, ardiloso, ousado e astuto como se conta e Lestat como seu alter-ego que tenta superá-lo, vencê-lo mesmo inclinados a se juntarem à causa perdida. Tempos após a morte do esposo, começa a escrever sobre assuntos cristãos (Cristo Senhor) e numa pequena carta à imprensa diz que "Memnoch acabou vencendo, mas ela não o culpava. Se Lestat o havia vencido ela também o faria" usando da alusão do personagem à morte.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique