Lulital: a magia começa

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Pri Beletato
Editora: Dracaena

ISBN: 978-85-6446-941-9
Ano: 2011
Páginas: 152

Sinopse
Às vésperas de seu aniversário Cindy tem sua vida transformada pela descoberta de um mistério cujo ápice gira em torno da morte da própria mãe. Ao se aprofundar neste mistério ela descobre um mundo paralelo ao nosso, onde seres mágicos ganham vida e acaba descobrindo sua verdadeira identidade.

Em meio a tantas descobertas se vê parte de uma antiga lenda a qual ela terá de protagonizar se quiser salvar este reino mágico recém descoberto, além de descobrir o que aconteceu com sua mãe.Entre tantas aventuras e mistérios Cindy ainda terá de lidar com um repentino romance, o qual poderá colocar em risco muito mais que sua própria vida. Seu regresso inusitado até sua cidade natal onde sua mãe desapareceu há dez anos tende a se tornar o maior acontecimento de toda sua vida.

Seu regresso a Luanda desencadeará uma série de mistérios e descobertas que levarão Cindy a viver momentos além de sua imaginação, momentos que serão capazes de decidir o futuro de sua existência. Magia, Mistério, aventura e descobertas infindáveis farão com que uma decisão deva ser tomada.

Resenha por Thales Ferreira

Aquele era o momento, eu estava ali e contemplava tudo ao meu redor. Eu via o sofrimento, eu via a tristeza e o desespero daqueles que eu mais amava. Uma escolha deveria ser tomada para que Lulital pudesse ser salva. O tempo corria e eu estava ali sem coragem para decidir. De repente, o fim se aproximou….

Índios, não esperava ler uma obra sobre fadas tão rica e leve como Lulital. Quando pensamos em fadas nos lembramos quase instantâneamente da Sininho, em seu reino colorido e muito "cor de rosa", nada muito profundo ou com traumas de infância. Pri Baletato transporta o leitor para um novo reino, repleto de aventura, emoções e desafios. A leitura é altamente recomendada para jovens leitores e motiva a continuação da leitura. O romance é leve, fácil de ler e muito bem construído.


Percebe-se que a autora criou um mundo no qual ela conhece bastante. Todos os pontos da trama se encaixam perfeitamente com uma dose extra de mistérios e revelações. A protagonista é Cindy, uma jovem de 16 anos que sofreu muito com o desaparecimento misterioso de sua mãe - Cristal - quando tinha apenas 6 anos de idade. Mudou-se de cidade para evitar lembranças desconfortáveis, porém um dia - por obra do destino - seu pai precisa retornar à Luanda e tudo muda em sua vida. Ela descobrirá um mundo novo, o reino de Lulital. Sua mãe antes de desaparecer escreve uma história sobre fadas e a terrível ameaça de Kendra - uma fada malígna - a única salvação se dá através de uma profecia - o dia em que a Escolhida irá livrar Lulital da perigosa Kendra. Será que esta história é a realidade? Por entre as linhas o leitor irá desvendar todos os mistérios que permeiam Lulital. Cindy terá que reviver seu passado e encarar seu misterioso futuro.

É interessante notar a intertextualidade com Alice no País das Maravilhas. O aparecimento de uma menina que poderá salvar o reino, uma mulher tirana que toma o poder da verdadeira rainha, animais mágicos que irão ajudá-la em sua jornada, lugares mágicos e a presença fortemente marcada da natureza. É importante ressaltar a utilização farta de elementos naturais, assim como o sentido de preservação e a força dos elementos. A natureza quando bem utilizada pode fornecer respostas para tudo, para cura de doenças e para a saída de momentos difíceis. Pri Beletato não escreve apenas um livro fantástico, mas também reforça valores morais de preservação da natureza e de valorização da amizade. A protagonista Cindy não encara toda a trama sozinha, ela vai acompanhada de Tati e de Lucas - seus amigos fiéis.

O enredo também conta com algumas cenas de romance, simples e inocentes; nada muito forte neste primeiro livro da série. O amor foi construído com base na amizade que evoluiu para um sentimento mais profundo, após momentos de perigo e quase de perda. Percebe-se que Cindy não conseguiria pensar em romance quando tudo que ela mais prezava estava ameaçado, mas quando tudo se torna ameaçador o amor é o único sentimento que pode oferecer força para continuar.

Ao final encontramos um gancho para a continuação deste primeiro livro, com um fator inesperado. Minha única crítica a este primeiro livro é sobre o final do livro. Mesmo sendo um bom final, achei tudo muito corrido, quando o mais importante seria um final com diálogos fortes e densos. O leitor ainda estará preso na leitura quando de repente tudo termina. Este final poderia ser um pouco mais trabalhado, mas quem sabe a autora não continua o segundo livro da série com algumas respostas que ficaram faltando neste.

Sem dúvidas a obra é recomendada. Mais uma vez mostra-se que a literatura nacional deve ser valorizada e que temos belíssimas histórias. Lembrando que a leitura é para jovens leitores e adolescentes, a história é carregada de perguntas existênciais e sobre o sentido de se batalhar por um ideal, sobre a coragem e a vitória. Vamos esperar a continuação. Quais serão os novos desafios que Lulital e Cindy terão que enfrentar?


Nenhum comentário :

Postar um comentário

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique