Do amor a maldade - As Canções do Serafim, Livro 2

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Of Love and Evil
The songs of the Seraphim, Book Two
Anne Rice

Tradução: Alexandre D'Elia
ISBN: 8532521908
ISBN 13: 9788532521903
Páginas: 176
Ano de Lançamento: 2011

Sinopse
Em De Amor e Maldade, segundo volume da série As Canções do Serafim, iniciada com Tempo dos anjos, a veterana escritora Anne Rice, mais de 75 milhões de livros vendidos em três décadas de carreira, retoma a saga de Toby O'Dare, o ex-assassino de aluguel que continua sua árdua jornada em busca da redenção após dez longos anos de crimes com a ajuda do serafim Malchiah – um anjo da mais alta hierarquia – e com seu próprio anjo da guarda, Shmarya. Com seu talento singular para lidar com o sobrenatural, Rice troca os vampiros pelos anjos e mostra que continua uma imbatível contadora de histórias nesta trama dotada de magnífica reconstituição histórica e instigantes questionamentos metafísicos. Depois de ser enviado à Inglaterra do século XIII em Tempo dos anjos, dessa vez, o rapaz volta à Roma do século XV. Uma cidade efervescente que tem Leo X no trono papal e Michelangelo e Rafael trabalhando em toda sua glória, e onde Toby atende ao chamado de Vitale ben Leone, um jovem erudito e médico judeu encarregado de salvar a vida de Niccolò, seu melhor amigo e filho do respeitado Signore Antonio. Niccolò adoeceu subitamente, e seu estado se agrava a cada nova visita de Vitale, o que desperta na população majoritariamente católica uma onda de antissemitismo e ameaça acabar com a frágil tolerância religiosa estabelecida pelo papa. Cabe ao protagonista ajudar não só na cura do doente como, também, solucionar o mistério de um dubbyk – um fantasma – que assombra a residência do médico.

Resenha por Lean Lioncourt
Continuando a saga dos Serafins, Rice elabora uma nova conspiração a ser revelada e acima de tudo corrigida pelo protagonista. Com o mesmo foco metarrealístico, ela usa de fatos históricos (agora em Roma, meados do século XV) para sua obra, criando no personagem principal um elo fictício aos acontecimentos reais. Como lemos no primeiro livro, Toby pretendia largar a vida de crimes e dedicar-se exclusivamente à retratação, inclusive, tendo reatado laços com sua família: filho e mulher amada, na esperança de uma nova vida, melhor. Por agora, ele empreende este maior contato e aproximação, quando é convocado por Malchiah. Tem início a viagem sempre bem descrita por Rice.

No primeiro livro, Toby foi usado para desmistificar um crime, tendo êxito na absolvição dos pilares. A intenção não muda, neste outro livro continua seguindo aquele clima de investigação, dotado agora de uma interferência mais inumana ao passo de que outros personagens vão sendo revelados. Espíritos, demônios e carma são os focos deste segundo volume. Toby vê-se perdido entre a obrigação com Malchiah e sua obrigação com a família, sendo tentado e até considerado perdido à causa.  Porém, se estabelece, desvenda o crime, culpa-se pelo desfecho e por fim, retorna para sua continua necessidade de retratação.

Neste final, algo surpreendente acontece, dando margem à continuação que está por vir. Rice continua a seguir sua ideia inicial baseada no contexto histórico judeu e, usando do material que havia adquirido, elabora uma nova concepção, mesmo que ainda no mesmo prumo de caráter literário. Começou em Tempo dos Anjos apenas com a questão investigativa, mesmo com sua obrigação espiritual. Neste segundo, abre mais o leque, fato que, ao ver toda a sua trajetória, identificamos como sempre aconteceu. Nunca se mantém apenas uma personagem em uma estadia perturbada, ela sempre incorpora vários elementos.

Em Do amor a maldade, começamos a novamente a evidenciar seu traço. Como dito, ela trata da canalização do carma, como que induzindo o personagem (e o leitor) a compreender como cada ato e ação dependem de outro e, por conseguinte, ainda – acredito – usando de Toby como uma 'escolha' que cada um pode fazer. Ao colocá-lo no passado e mostrando como eles podem ser mudados (Toby e Passado), acredito que primeiro ela queira dar uma satisfação à História como disciplina e depois, colocar alterações perceptíveis às nossas escolhas. Toby consegue mudar o passado, automaticamente suas escolhas influenciam no futuro. Ela o coloca como balança, sempre deixando claro sua delicadeza de entender o papel já que por várias vezes o personagem vê-se metido na dualidade entre interferir ou não. Novamente aqui, ela não nos dá pistas do que pretende e intenta Malchiah e sua relação com as Crianças dos Anjos, como chamam os humanos que toma para sua ajuda. Muito de O'Dare é dito, nada dos anjos. 

É um livro interessante do ponto de vista histórico, porém falho. Falando da parte literal, é como se Rice quisesse dar-nos a entender sua inclinação à cristandade e, por então, desvinculá-la à política. Em fatos miúdos, ela parece querer que esqueçamos todo o peso que a Igreja teve no mundo, naqueles séculos. Ela fala da Igreja, de seu clero e suas intenções e ao mesmo tempo fala de judeus, não citando o que historicamente conhecemos na barbárie. Ela criou um fundamento judaico mas de seu ponto de vista católico, o que deixou um pouco a desejar, mesmo com as fontes que ela tinha. Porém, é impecável quanto à fluência dos personagens e sua estereotipagem. Lógico. Com citações de William Blake (que a acompanha desde as Crônicas) o teor de intelectualidade aumenta.

Do ponto de vista conceitual, acho uma excelente obra. Mesmo sendo um livro curto, ela segue uma constância de informações. A partir do primo-terço do livro a história se desenrola. Talvez o pecado tenha sido a apresentação de mais personagens sem a conjectura. Claro, personagens estes que conheceremos nos próximos livros, mas de primeira visão reconhecemo-los.

Enfim, recomendo e recomendo a atenção aos próximos lançamentos.

Para bibliografia
RICE, Anne. Do amor a maldade. Rio de Janeiro: Rocco, 2011.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

A Tribo Participa

Get your own free Blogoversary button!

PUBLICIDADE


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Tribo Apoia

Top Comentaristas

Widget by: Code Box

Clique